terça-feira, 31 de maio de 2016

Estudante de Itabuna não teve hemorrágica

O último caso suspeito de dengue hemorrágica tipo IV foi confirmado negativo pelo Instituto Evandro Chagas, em Belém (PA), que usou o método de inoculação (em células c6/36), confirmando o resultado do Laboratório Central (Lacen). Com isto, a Secretaria de Saúde de Itabuna afasta, definitivamente, a hipótese de morte por dengue hemorrágica do estudante Rafael Esteves Farias Monteiro, 23 anos, ocorrida em Itabuna em fevereiro. Na época, o quadro clinico do paciente apresentava anemia profunda. 

Ele morreu depois de ficar internado. A situação foi investigada por técnicos do Departamento de Vigilância Epidemiológica, que recolheu amostras de sangue. O sangue foi usado para análise de possíveis causas, como dengue, leptospirose, meningite entre outras, todas negativas conforme laudos do laboratório privado de Belo Horizonte e do Laboratório Central na Bahia. (A Região)

Nenhum comentário:

Postar um comentário