quarta-feira, 25 de maio de 2016

Governador afirma ao prefeito de Ilhéus que contrato para construção da nova Ponte será assinado nos próximos dias

thumbnail_Baía do Pontal - Secom Ilheus
Durante audiência concedida segunda, 23, ao prefeito licenciado de Ilhéus, Jabes Ribeiro – mesmo em tratamento de saúde, e ao deputado estadual Eduardo Salles, o governador da Bahia, Rui Costa, informou que o contrato para a construção da segunda ponte Centro-Zona Sul deverá ser assinado até o final da próxima semana. O resultado da nova licitação já foi homologado e a empresa vencedora foi a OAS.

A obra, estimada em 98 milhões de reais, compreende a construção de uma nova ponte sobre a Baía do Pontal, com extensão de 533 metros e um sistema viário de acessos ao Porto Internacional de Ilhéus, Distrito Industrial e futuro Porto Sul, totalizando 2,74 quilômetros. O governador admitiu que já existem na conta do Governo cerca de 45 milhões de reais, provenientes de recursos do BNDES.

Na oportunidade, Rui Costa adiantou que, através do secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, solicitará à empresa vencedora do processo licitatório um cronograma de trabalho sem interrupções. Ele ainda afirmou que não pretende vir a Ilhéus para assinar nova ordem de serviço, mas, sim, para acompanhar as obras quando as mesmas estiverem em andamento.

Mesmo em licença para tratar de complicações advindas de cirurgia de catarata no olho esquerdo, o prefeito foi tratar com o governador sobre projetos importantes para o município de Ilhéus, acompanhado pelo deputado Eduardo Sales. Ainda no que diz respeito à mobilidade urbana, o prefeito disse o prefeito disse ao governador que enquanto a ponte não é construída, o projeto da Prefeitura é construir uma via alternativa após a ponte Lomanto Júnior como mais uma opção para quem se dirige ao Terminal Urbano e à Avenida Princesa Isabel.

Estradas – O prefeito Jabes Ribeiro reivindicou a assinatura de novo convênio com o Estado para a recuperação das rodovias estaduais que ligam o distrito de Inema a União Queimada e de Banco Central à BR-101. A crise hídrica que afeta o município de Ilhéus e o projeto de saneamento básico da zona sul foram outros assuntos da pauta de reunião.

Nenhum comentário:

Postar um comentário