segunda-feira, 23 de maio de 2016

Mãe de fã que atacou Ana Hickmann diz que filho não ia fazer mal a ninguém

Mãe de Rodrigo Augusto no velório (Foto: RJ TV / REDE GLOBO)A mãe de Rodrigo Augusto de Pádua, 30 anos, Wanda Simões de Pádua, afirmou nesta segunda-feira (23) que o filho não tinha intenção de fazer mal à apresentadora Ana Hickmann. O corpo de Rodrigo foi sepultado pela manhã no cemitério municipal Nossa Senhora Aparecida, em Juiz de Fora (MG).


Ao fim do enterro, Wanda falou com a imprensa e disse que o filho era um garoto tranquilo e bom. Ele vivia com os pais e não estava trabalhando, passando a maior parte do tempo em casa.

"Meu filho era o melhor filho do mundo. Só eu conhecia meu filho. Não era ele quem fez isso. Era outra pessoa, entendeu? Porque o inimigo é terível, ele ataca mesmo as pessoas 24 horas por dia", disse.

Segundo Wanda, Rodrigo não usava drogas e era bastante apegado a ela. "Ele nunca fez nada com intenção de nada. Nunca mexeu com drogas, não bebia, não fumava, ficava mais em casa. Era um filho sereno, um menino muito educado. Pode perguntar aos vizinhos lá. Era de casa para a academia, da academia para casa. Ele só saia comigo. E dizia 'Mãe, a senhora é a coisa mais importante deste mundo para mim, se a senhora morrer eu vou junto'. Não tinha vício de nada, era muito carinhoso comigo, com os irmãos", garantiu.
Rodrigo era o caçula de cinco irmãos. Ele teria ido a Belo Horizonte para conhecer a cidade, disse Wanda. "Ele foi para Belo Horizonte para conhecer a cidade, porque meu outro filho mora lá. Ele ia para outro lugar. Foi uma fatalidade que aconteceu. Tenho certeza de ele não foi lá para fazer mal para ninguém. Ele só queria conversar. Mas como o destino foi cruel, tirou o meu filho de mim. Meu caçula, que eu amava tanto. Agora vai ficar no só meu coração", disse, bastante abalada.

O enterro de Rodrigo foi discreto. Cerca de 30 pessoas acompanharam o funeral. O irmão Helisson Pádua, que foi o primeiro a chegar ao hotel em Belo Horizonte e reconhecer Rodrigo, estava presente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário