domingo, 8 de maio de 2016

Moradores do São Caetano dão sua contribuição ao PGP

Cerca de 300 pessoas participaram, na manhã desse sábado, de uma reunião promovida pelo Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores para discutir o Programa de Governo Participativo (PGP). O evento ocorreu no espaço Nefertiti, no bairro São Caetano e envolveu moradores do Sarinha, Novo São Caetano, Carlos Silva, Jardim Primavera, Jaçanã, Santa Clara, Núcleo da Ceplac e Banco Raso. A próxima reunião do PGP Itabuna será no bairro da Conceição.

Ao final das discussões, os moradores, que foram divididos em quatro grupos temáticos, encaminharam 12 propostas prioritárias, que serão incluídas no documento a ser registrado no TSE com as diretrizes de um eventual governo petista a partir de 2017. O pré-candidato a prefeito de Itabuna pelo PT, Geraldo Simões, falou ao final do evento, se comprometendo, caso eleito, com o cumprimento das indicações.
“São coisas que devem ser feitas pelo município. Uma prefeitura que arrecada R$ 500 milhões por ano, deve fazer obras sem pedir ao estado e à União. Sem fazer sua parte, não tem altivez para cobrar dos governos estadual e federal. É bíblico: não peça a Deus aquilo que você pode fazer”. Geraldo ainda reforçou a importância do PGP. “Algumas das necessidades apontadas eu já conhecia, mas outras tive conhecimento aqui. Ouvir o povo nunca fez mal a gestor algum”.