quarta-feira, 11 de maio de 2016

Professores de Itajuípe entram no 4º dia de greve

Impasse no repasse do Fundeb motivou a greveOs professores da rede municipal de ensino de Itajuípe, que paralisaram as atividades durante três dias na semana passada, deliberaram por uma greve por tempo indeterminado. O movimento, no quarto dia nesta quinta-feira (12), é contra o descumprimento do reajuste de 11,38% do FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), percentual já repassado pelo governo federal.

Segundo a categoria, os gestores só ofereceram 3%, muito aquém do o valor recebido do Ministério da Educação, ferindo assim as leis 11.738/2008 (Piso nacional) e pela não implementação da Lei 704/2004, que rege o Plano de Cargos e Salários que vinha sendo obedecido até o ano de 2015.

Os educadores não aceitam a proposta e, por isso, seguem com a paralisação. “Exigimos respeito e o cumprimento da legislação em vigor”, resumiu uma participante do movimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário