sábado, 28 de maio de 2016

Sindilimp Sul Extremo Sul e Sindicato da Policia Civil da Bahia discutem problemas dos trabalhadores terceirizados

O coordenador do Sindicato Sindilimp sul extremo sul, José Carlos Conceição (Zé Carlos), juntamente com o presidente do Sindicato da Policia Civil da Bahia Marcos Maurício de Oliveira, se reuniram em Salvador, na última terça-feira (24), para debaterem soluções dos problemas da classe trabalhadora.

Na reunião discutiu  medidas para combater os atrasos dos salários por parte das empresas contratadas pela secretaria de segurança pública para limpeza e conservação das unidades policiais e no disque 190 nos Batalhões.

Outro tema discutido foi à falta de segurança pública e medidas para solucionar esse problema que atinge a Bahia. Segundo as duas diretorias, é importante unir forças junto a outras categorias, para que sejam realizadas mudanças e melhorias.

De acordo com Marcos Maurício, “Ouvindo a avaliação dos trabalhadores teremos a possibilidade de construir uma segurança pública mais eficiente”. Zé Carlos, também enfatizou essa parceria. “É com alegria que observo que os policiais civis hoje prestam um atendimento melhor ao cidadão e acredito que isso deve ser fruto das ações que o Sindpoc tem feito nos últimos anos para melhorar as condições de trabalho e valorização desses trabalhadores. Considero enriquecedor esses encontros, onde podemos apresentar problemas e buscar soluções práticas e a longo prazo, a classe trabalhadora merece dignidade e respeito”, avaliou o líder sindicalista.

Participaram da reunião  também o vice-presidente do Sindpoc Eustácio Lopes (de Ilhéus) e o diretor do Sindipoc, Agnaldo Cardoso (de Jequié).

Nenhum comentário:

Postar um comentário