terça-feira, 7 de junho de 2016

Atualização de dados evita cancelamento do Bolsa Família em Itabuna

A Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) alerta mais de seis mil famílias de Itabuna sobre a necessidade de manter cadastros atualizados para o recebimento dos valores mensais do benefício do Programa Bolsa Família. Do total de 9.185 de famílias selecionadas para revisão cadastral, um procedimento recomendado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (ex-Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza), somente cerca de 2.500 tiveram os dados atualizados até o final da manhã desta terça-feira, dia 7.

A diretora do Departamento de Combate à Pobreza da Secretaria de Assistência Social, Caroline Oliveira Suzart, afirma que o trabalhado deveria estar mais avançado, mas os auditores estão encontrando dificuldade de acesso às famílias para atualização de dados. “Precisamos muito da colaboração de moradores de bairros como Maria Pinheiro, Daniel Gomes, Pedro Jerônimo e Zizo. As famílias têm que prestar as informações sob o risco de serem excluídas do programa”, afirma Caroline.

A diretora destaca ainda que esses são os únicos bairros de Itabuna em que os auditores estão dificuldades de trabalho por falta de colaboração dos próprios moradores. “Muitas das famílias que precisam receber a visita dos nossos técnicos, já estão com o benefício suspenso. O benefício só será desbloqueado com a atualização dos dados cadastrais”, ressalta Caroline.     
           
REFORÇO DO CRAS

Para acelerar o trabalho de campo, na próxima semana a atualização dos dados dos beneficiários do Bolsa Família também será feita pelos profissionais lotados nas unidades do Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), nos bairros Jardim Grapiúna, Nova Ferradas e Urbis IV. Já os assistentes sociais da unidade do Jardim Grapiúna vão atuar junto aos moradores do Centro Comercial, São Roque, São Lourenço, Antônio, Corbiniano Freire, Novo Horizonte e Monte Cristo.

Os servidores das unidades do CRAS de Nova Ferradas vão fazer a atualização cadastrais das famílias dos bairros de Ferradas, Maria Matos (Rua de Palha), Nova Esperança, Ferradas II e Nova Ferradas. Já os assistentes sociais da Urbis IV vão reforçar o trabalho nos bairros Jorge Amado, Sinval Palmeira, Morumbi, Nova Itabuna e Brasil Novo. Durante as visitas domiciliares, os assistentes sociais farão preenchimento prévio de formulários e agendamento de atendimento na sede da SAS, na Rua Piauí, 140, no bairro Jardim Vitória.

O trabalho de averiguação e revisão cadastral do programa Bolsa Família deve ser concluído no prazo de quatro meses previstos. As famílias estão tendo o agendamento prévio para evitar filas, garantido assim o conforto aos beneficiários. O expediente na SAS foi expandido e vai até às 16 horas, de segunda a sexta-feira.  Pelas regras, a família beneficiada que tem rendimento mensal de R$ 880,00 e seis integrantes está no perfil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário