quarta-feira, 22 de junho de 2016

Entrevista com o Cabo PM Neto

Nesta quarta-feira (22), o Cabo PM Neto que foi processado e preso devido o Movimento Reivindicatório dos Policiais Militares em 2012, concedeu entrevista ao Blog Verdinho sobre a sua pré-candidatura a uma vaga na Câmara Municipal de Itabuna no pleito deste ano.

Com vinte anos de Polícia Militar, o Cabo PM Neto sempre se destacou dentro da corporação e fora dela, proativo, ativista social, figura também como diretor jurídico da APPM – Associação de Praças.


Blog Verdinho - Por que sair candidato a vereador?


Percebo na conjuntura político-social que o município merece e devemos atuar como personagens que vise melhorias, devemos observar mais o lado social em Itabuna, a cidade vem figurando de maneira triste no cenário nacional com índices alarmantes de epidemias, violência, desemprego e inércia administrativa.

Blog Verdinho – Como o senhor analisa a crise hídrica na cidade?


Analiso de duas maneiras. Uma é a influência climática, a seca vem assolando toda a região, haja vista a nossa vizinha Ilhéus também sofrer com a escassez de água. A segunda e mais importante é a falta de planejamento e vontade política em resolver o problema e isso vem se arrastando há quase dez anos. São licitações, ordens de serviços e não vemos a barragem que será tão importante para Itabuna se tornar realidade.    

A falta de água e saneamento básico trás o subdesenvolvimento humano em todos os aspectos, saúde e economicamente.


Blog Verdinho – Na sua área profissional o que pode se fazer para diminuir essa violência em Itabuna?


Bem, o primeiro passo é criar uma secretaria específica para o tema violência e a proteção humana. Criando a Secretaria de Segurança Pública Municipal, essa pasta não substituirá ou traçará diretrizes para as polícias e sim, assessorará o futuro gestor seus secretários e os órgãos de segurança estadual a diagnosticar a causa do problema conduzindo e referendando os programas sociais.

Ela será o elo entre os governos municipal, estadual e federal para reduzir a criminalidade numa cidade tão importante como Itabuna, promovendo seminários, cursos de aprimoramento de todos os envolvidos, Polícias Civil e Militar, GCM’s, Settrans e Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, OAB, Ministério Público e Juizado da Infância e Adolescente, revitalizar o Conselho Tutelar e o Conselho de segurança, investir em tecnologia de videomonitoramento, ou seja, atuar em conjunto na prevenção dos jovens

.

Blog Verdinho – E na área social?


Penso que na área social o município tem tudo para reverter o quadro de engessamento do desenvolvimento das nossas crianças e jovens. Itabuna tem de ter núcleos escolares em regime integral com a criança chegando as 08 horas e saindo as 16 horas, com café da manhã, almoço e lanche a tarde.

Atividades curriculares pela manhã e lúdicas a tarde, não é segregar a criança, mas dar-lhe dignidade e segurança de um futuro que o Estado tem por dever. Acredito que a evolução humana, a libertação deve acontecer na escola, investimento escolar com valorização do professor.

Todas as grandes potências mundiais sempre investiram em Educação de Qualidade, esse é o único caminho e legado que devemos colocar em prática imediatamente.


Blog Verdinho – Para finalizarmos. Para desenvolver-se economicamente Itabuna necessita de que para dar essa reviravolta na crise?


Necessita com urgência de um Porto Seco, isso escoaria toda a carga vinda para a região e criaria centenas de milhares de empregos diretos e indiretos. Desafogaria o trânsito local retirando do centro do município os carros grandes e pesados consolidaria mais ainda a cidade como polo econômico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário