quarta-feira, 29 de junho de 2016

Itabuna pede ao Ministério da Integração Nacional mais verbas contra seca


A Prefeitura de Itabuna garantiu junto ao Ministério da Integração Nacional mais recursos federais para a manutenção do abastecimento de água da população por carros pipa pela Coordenadoria Municipal da Defesa Civil. No final da tarde de terça-feira, dia 28, o prefeito Claudevane Leite foi recebido pelo ministro Helder Barbalho, em Brasília, quando fez o pedido e apresentou um relato da dramática situação de estiagem na região sul do Estado, a maior em mais de 50 anos, como atestam estudos de cientistas e pesquisadores de instituições de ensino superior e de pesquisas como UESC, UFSB e UFBA e Ceplac. 

Na audiência, intermediada pela deputada federal Tia Eron (PRB-BA), o prefeito Vane disse ao ministro Helder Barbalho que há 10 meses no Centro Sul baiano a seca tem graves repercussões no fornecimento de água para o consumo humano em mais de 40 municípios, obrigando a maioria das Prefeituras a buscar meios alternativos de abastecimento principalmente o apoio dos governos federal e estadual. “As perspectivas de chuvas capazes de recuperar o lençol freático e as nascentes dos rios são desanimadoras, já que há previsão para outubro e novembro”, disse o prefeito de Itabuna. 
Vane ainda relatou ao ministro que “no caso de Itabuna, temos aplicado mais de R$ 1,5 milhão mensalmente na operação carro pipa, contando com o apoio da Secretaria Nacional de Defesa Civil, do Ministério da Integração Nacional, e do Governo do Estado, através da Superintendência de Proteção e Defesa Civil”, sublinhou. “Temos a expectativa de colocar em operação, a partir da próxima semana, poços artesianos perfurados nas zonas rural e urbana pelo Governo do Estado, através da Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hídricos da Bahia (CERB), o que vai nos dar melhor fôlego para continuar abastecendo a população”, acrescentou.

Claudevane Leite ainda destacou o reforço às operações emergenciais desenvolvidas pela Coordenadoria Municipal de Defesa Civil para fornecimento de água potável e tratada à população por meio de carros pipa. Destacou a colocação de 140 tanques em áreas estratégicas da cidade e a captação de água tratada na estação da Embasa no Rio Iricó, em Ubaitaba, e em Travessão, município de Camamu, para Itabuna.


Nenhum comentário:

Postar um comentário