sábado, 11 de junho de 2016

Japonês da Federal cumprirá pena em casa com tornozeleira eletrônica

O ex-agente da Polícia Federal Newton Ishii, o Japonês da Federal, começará a utilizar tornozeleira eletrônica nesta sexta-feira (10) para cumprir a pena de quatro anos, dois meses e 21 dias a que foi condenado por facilitar o contrabando no país. Ishii foi preso na última quarta-feira (8) em Curitiba. Ele poderá cumprir sua pena em casa com algumas restrições judiciais. 

O ex-agente não poderá deixar a capital paranaense sem autorização das autoridades judiciais nem sair de casa nos finais de semana. Nos outros dias, Ishii deverá estar em casa das 23h às 5h. O Japonês da Federal usará a tornozeleira pelo menos até o dia 21 de outubro. A medida foi aplicada em razão da falta de vagas no sistema penitenciário para cumprir a pena no regime semiaberto tradicional. 

Funcionário da Polícia Federal desde 1976, Newton Ishii foi chefe do Núcleo de Operações da PF em Curitiba. Ele foi expulso da corporação em 2003, após ser preso na Operação Sacuri. Ele se aposentou no mesmo ano. Em 2014, foi reintegrado à PF. Agora, com o início do cumprimento da pena, voltou a ser afastado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário