terça-feira, 30 de agosto de 2016

Augusto castro se compromete a botar UPAs para funcionar

O deputado e candidato a prefeito de Itabuna pelo PSDB, Augusto Castro, classifica como absurda a situação da saúde pública em Itabuna e como “vergonhoso” o fato de a cidade até o momento não ter conseguido colocar em funcionamento as UPAs (Unidades de Pronto-Atendimento) dos bairros Monte Cristo e Fonseca.

“Apesar do alto investimento realizado para construir a estrutura física das unidades, com recursos federais, o atual governo municipal não teve competência para fazê-las funcionar”, critica o candidato.

A UPA do Monte Cristo teve sua estrutura física concluída em abril de 2015, mas um ano e quatro meses depois a unidade continua um “elefante branco”, sem ter atendido sequer um paciente. A obra custou mais de R$ 1,3 milhão aos cofres públicos, o que chama atenção para o desperdício de recursos e o descaso com a saúde da população.

“A função da UPA é absorver o atendimento ambulatorial, garantindo um socorro mais rápido e com qualidade no próprio bairro, e aliviando a demanda dos hospitais”, salienta Augusto Castro, que afirma ter a melhoria da saúde pública em Itabuna como um dos eixos de seu plano de governo. “Se o povo de Itabuna me der a honra de governar esse município, pode ter certeza de que colocaremos essas duas UPAs para funcionar, dando atendimento digno à população, e vamos também ampliar os investimentos nas unidades básicas dos bairros”, garante o candidato.

Augusto observa que, nesta segunda-feira (29), o Ministério da Saúde habilitou nove UPAs na Bahia para receber verbas de custeio do governo federal. Serão R$ 17,940 milhões em parcelas mensais até o final do ano, para unidades localizadas em  Salvador, Lauro de Freitas, Vera Cruz, Dias D'Ávila, Itapetinga, Guanambi e Teixeira de Freitas. “Infelizmente, Itabuna ficou de fora porque o governo municipal não teve competência para colocar as UPAs para atender a população”, lamenta o prefeiturável do PSDB.

O candidato acrescenta que há condições para fazer a saúde pública funcionar melhor em Itabuna. Ele afirma que pretende conseguir esse avanço por meio de articulação política e elaboração de bons projetos para viabilizar a captação de recursos. “Nós conhecemos os caminhos e já demonstramos que temos disposição e vontade política para realizar”, assegura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário