quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Programação homenageia aniversário de Jorge Amado

O escritor Jorge Amado, que completaria 104 anos na quarta-feira (10), é homenageado com programação cultural especial em Ilhéus, no sul da Bahia, cidade que foi cenário de diversos livros do autor baiano. A Semana Jorge Amado terá palestras, exposições e espetáculos serão realizados no Teatro Municipal e na Biblioteca Adonias Filho. Na quarta-feira, a Orquestra de Berimbaus fez uma apresentação gratuita na Praça Pedro Mattos, que fica em frente ao teatro. Em seguida, foi aberta a exposição "Gentes e Paisagens da Terra", na Galeria do TMI, que ficará disponível para visitação gratuita até o dia 21 agosto, de segunda a sexta, das 9h às 18. 

Como parte da programação, a Biblioteca Pública Municipal Adonias Filho está com a exposição “Sangrando”, da artista ilheense Janete Lainha, disponível para visitação gratuita até 26 de agosto, de segunda a sexta, das 9h às 18h e aos sábados, das 8h às 12h. Já na quinta-feira (11), às 17h, ocorrerá o lançamento do Selo e Carimbo do Teatro Municipal de Ilhéus. Em seguida, às 18h30, na Biblioteca Pública Municipal Adonias Filho, ocorre o lançamento do livro e palestra: “Jorge Amado – da ancestralidade à representação dos orixás”, de Gildeci Oliveira Leite, professor de Literatura da UNEB (Universidade do Estado da Bahia). Na sexta-feira (12), na Praça Pedro Mattos, terá uma apresentação de dança de alão com o Grupo Ky Dance. Em seguida, às 18h30, na Biblioteca Pública, será realizada a palestra "Hibridismo e resistência da identidade afrobrasileira na literatura amadiana”, com Aline Brito Nascimento, Professora Assistente da Universidade do Estado da Bahia (UNEB). 

Neste dia, também haverá apresentação dos trabalhos dos artistas do programa Solos Criativos. O destaque do evento será no sábado (12), às 20h, quando o Teatro Municipal de Ilhéus recebe o espetáculo “Love”, um monólogo com a atriz Cyria Coentro, com direção de Jackson Costa. Com roteiro de Elisa Lucinda, Jackson Costa e Cyria Coentro, a montagem faz um passeio pela literatura poética do país e do mundo. (G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário