quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Quadrilha que deu golpe milionário em bancos é denunciada à Justiça

O Ministério Público Federal em Feira de Santana (MPF-BA), a cerca de 100 quilômetros de Salvador, denunciou à Justiça Federal uma organização criminosa suspeita de causar prejuízo de R$ 10 milhões à Caixa Econômica Federal e outras instituições financeiras. A informação foi divulgada pelo órgão na terça-feira (23).

A ação é resultado da Operação Ali Babá, que realizou uma série de prisões em julho deste ano. Conforme a MPF, os denunciados criavam empresas jurídicas fantasmas e utilizavam “laranjas” - intermediários em operações financeiras ilícitas -, para abrir contas e contrair empréstimos em diversos bancos, incluindo a Caixa. A organização criminosa não quitava as dívidas.

Conforme o MPF-BA, a quadrilha, que atuava em municípios no interior da Bahia, era investigava desde 2013. O órgão detalha que o líder do grupo constituiu mais de mil empresas de fachada e utilizou sete nomes falsos para cometer os delitos. Preso, ele irá responder por estelionato e tentativa de obter empréstimo fraudulento, como também por comando de organização criminosa. Onze pessoas envolvidas no crime estão presas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário