quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Familiares, amigos e colegas de trabalho lotam velório para o último adeus a Flávio Vinícius

O clima é de muita tristeza e revolta por um crime bárbaro, que ceifou a vida de um pai de família. Flávio Vinícius Santos Correia tinha 38 anos e tornou-se, na noite ontem (21), em mais uma vítima da violência desenfreada.

Ele era coordenador de caminhada da campanha do candidato a prefeito, Augusto Castro. Flávio, inclusive, participou de sua última passeata na tarde de ontem. Estava, como sempre, sorridente e esbanjando carisma. Aliás, esta era uma de suas principais qualidades.

Depois do trabalho, quando seguia para casa, já à noite, foi abordado por dois bandidos em uma moto. Os criminosos anunciaram um assalto e Flávio logo em seguida foi morto com um tiro na cabeça. A principal suspeita é de que a vítima tenha reagido.

O corpo de Flávio, que era muito querido entre os amigos, colegas de trabalho e, sobretudo, familiares, está sendo velado no Pax de Paulo Preto, na subida do hospital Santa Cruz. A movimentação no local é muito grande. Todos querem dar seu último adeus ao rapaz, que era apaixonado pela vida.

A todo instante, amigos se manifestam nas redes sociais. “Flávio, meu amigo, descanse em paz. Nós, do time de fundadores da W.T.I sempre lembraremos de você. Uma pessoa boa, alegre que interagiu com todas as pessoas, sinto muito pela fatalidade e pela dor que a mãe e família estão sentindo nesse momento. Que Deus conforte esses corações”, dizia uma postagem.

A previsão é de que o sepultamento ocorra às 16 horas. Segundo assessores, o deputado Augusto Castro está muito abalado com a morte de Flávio. Flávio era morador do bairro Conceição, ele deixa esposa e três filhas.

Até o fechamento dessa matéria, ninguém havia sido preso.


Nenhum comentário:

Postar um comentário