sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Mais de 41 mil produtos falsificados são apreendidos durante operação

Mais de 41 mil produtos, entre bonés, mochilas, bolsas e pochetes falsificados, foram apreendidos durante uma operação deflagrada, nesta quinta-feira (1º), em quatro estabelecimentos comerciais localizados em Salvador e Feira de Santana, a 120 km de Salvador. Entre as marcas fraudadas estavam Adidas, Oakley, Puma, Lacoste, entre outras.

As apreensões ocorreram nas lojas O Boné, JCB Lacerca e Quero Bonés, em Feira de Santana, e na Geo & Fane, na Barroquinha, em Salvador. Lucine Souza da Conceição, dona da Quero Bonés e da Geo & Fane, já responde a processo por venda de produtos falsificados.

Além dela, Maracy Dalene Araújo Monteiro e José Clauber Brito Lacerda, proprietários das lojas O Boné e JCB Lacerda, foram indiciados por vender produtos impróprios para o consumo e por violação de direitos autorais.

Parte do material apreendido foi encaminhada para perícia no DPT (Departamento de Polícia Técnica). Equipes do DCCP (Departamento de Crimes Contra o Patrimônio), Decon (Delegacia de Defesa do Consumidor), Sefaz (Secretaria da Fazenda) e Procon (Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor) participaram da ação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário