quinta-feira, 22 de setembro de 2016

"Não posso fazer concurso para policiais", lamenta governador Rui Costa

O trabalho do secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, foi exaltado pelo governador do estado, Rui Costa (PT). O petista citou a redução de homicídios na Bahia neste ano como um dos avanços na área. 

"Estamos, mais uma vez, com uma redução em ocorrências bancárias, estamos empatando na área de agressão a vida, os homicídios. Além de trocar 1600 viaturas e colocar 2000 policiais novos, estamos abrindo quatro mil vagas de presídio. Inauguramos o novo presídio de Vitória da Conquista, 700 novas vagas, e vamos abrir outros. O que presídio ajuda a melhorar? Hoje temos muitos presos em delegacia, os policiais em vez de investigar, ficam tomando conta de preso. A nossa meta é tirar de todos esses presos das delegacias para liberar nossos agentes pra ter o foco para prevenir e investigar crimes", ressaltou

"Precisaríamos ter pelo menos 40 mil policiais, e hoje temos 32 mil. Não temos os 40 porque não temos índice de pessoal, o governador está proibido de fazer concurso público, porque o estado já ultrapassou o limite. Não posso fazer concurso para novos policiais. Temos que usar planejamento, estratégia, tecnologia, para que a gente consiga controlar a violência sem ter o número efetivo de policiais", destacou. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário