segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Nasa aprova para 2018 tentativa de lançamento de módulo a Marte

A Nasa aprovou oficialmente os planos para realização de mais uma tentativa de lançamento do módulo de pouso InSight que deverá partir para Marte em maio de 2018.

Segundo o Laboratório de Movimento Reativo da Nasa, isso só será possível se os engenheiros franceses conseguirem fabricar um aparelho que possa substituir o sismógrafo SEIS antes dessa data.

O presidente do Centro Nacional de Estudos Espaciais da França (CNES) Jean-Yves Le Gall ressalta que a notícia do envio do módulo InSight é uma possibilidade única de conhecer mais segredos sobre Marte, uma das principais tarefas da comunidade de especialistas em planetologia.

No final de novembro do ano passado houve rumores de que o aparelho InSight poderia não realizar missão a Marte devido a falhas técnicas do sismógrafo SEIS. Após essa notícia, a Nasa admitiu o problema ocorrido com o sismógrafo e anunciou o adiamento da missão por um "prazo indeterminado".


Em março do ano em curso, a Nasa informou que o lançamento do InSight seria transferido para maio de 2018, mas que não havia uma garantia absoluta disso, pois a agência não tinha a certeza se poderia criar um novo foguete portador para o módulo de pouso. Neste momento o problema está resolvido e a agência aprovou oficialmente a continuação da missão.

Neste caso, maio de 2018 é uma data firme para o lançamento, pois o combustível foi calculado para uma trajetória otimizada de voo a Marte dependente de uma posição específica do planeta vermelho. Mas, se os especialistas não conseguirem preparar um aparelho de substituição, a missão poderá ser adiada ou mesmo cancelada. Com informações da Sputnik Brasil. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário