domingo, 18 de setembro de 2016

2° homicídio do sábado: Moto de vítima executada no Lomanto já havia sido apreendida pela polícia de outro município


Dois homicídios num curto espaço de tempo – em apenas duas horas. O suficiente para despertar, novamente, na população, o pânico gerado pela violência. Nem bem os peritos chegaram com um corpo no Departamento de Polícia Técnica, já voltavam para atender a um segundo chamado, dessa vez no bairro Lomanto, onde outro rapaz foi friamente executado, depois de jogar sua última partida de futebol, no Clube da Adelba.

Abrahão dos Anjos Vieira, que morava do bairro Monte Cristo, tinha acabado de deixar o clube, acompanhado de um amigo, quando foi interceptado pelos assassinos. Ele foi alvejado com nove tiros. O carona, identificado como Nadson Dias Oliveira, de 26 anos, também foi baleado, mas conseguiu sobreviver. Nadson socorrido para o Hospital de Base, onde foi submetido a uma cirurgia.
Abrahão pilotava uma moto XRE, de placa JSV-3356. Uma coisa intriga a polícia: esse mesmo veículo foi envolvido numa situação, algum tempo atrás, quando foi apreendido no município de Dário Meira, após ser abandonada na rodovia por assaltantes, que haviam usado a motocicleta em seus crimes. Na época, os bandidos, inclusive, chegaram a adulterar a placa da moto.

Mas, voltando ao homicídio de hoje, a esposa da vítima esteve no local, onde o marido foi brutalmente assassinado. A mulher chorou muito e teve que ser amparada pelas pessoas. Ainda não se sabe o que motivou a execução de Abrahão. Segundo testemunhas, o rapaz costumava frequentar a Adelba todos os sábados, onde jogava o “baba” com os amigos.

Portanto, mais um crime envolto em mistérios para ser desvendado. Com a morte de Abrahão, Itabuna registra três assassinatos este mês. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário