terça-feira, 25 de outubro de 2016

Adolescente é apreendido após espancar enteada de 2 anos até a morte em Madre de Deus

Um adolescente de 17 anos foi apreendido depois de espancar até a morte a enteada de 2 anos nesta terça-feira (25) em Madre de Deus, na Região Metropolitana de Salvador. Ele foi conduzido para a 17ª Delegacia (Madre de Deus) e será encaminhado ao Ministério Público, em Salvador. 

Segundo a Polícia Militar, uma guarnição foi acionada por volta das 13h de hoje por médicos do Hospital Municipal de Madre de Deus. Os médicos chamaram a PM porque a criança tinha sinais de hematoma e suspeitaram de uma possível agressão. A garota não resistiu aos ferimentos e morreu na unidade. No local, PMs conduziram a mãe da menina e foram informados que o padrasto era o suspeito do crime. 

Envolvido com tráfico e usuário de drogas, o adolescente foi apreendido pouco depois pela 10ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Madre de Deus) no cais da cidade. Ele estava sendo espancado por populares e a polícia impediu seu linchamento. 

Em depoimento na delegacia, o adolescente afirmou à delegada Simone Moutinho que agrediu a criança com socos no estômago porque estava com ciúmes da companheira de 18 anos, mãe da menina. O casal havia brigado, segundo a PM. O crime aconteceu na casa onde todos viviam, no bairro de Quitéria Velha. A mãe da garota, que vende picolé na praia, estava trabalhando. A garota chegou a ser socorrida para o Hospital Municipal de Madre de Deus, mas não sobreviveu.

O adolescente vai responder por ato infracional análogo ao homicídio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário