terça-feira, 11 de outubro de 2016

Avô reprova atitude de mãe que expulsou filho gay de casa

Uma carta escrita por um avô indignado com o fato de o neto, Chad, ter sido expulso de casa pela própria mãe (filha dele), está comovendo a internet. Christie, a mãe do jovem o teria colocado para fora de casa após descobrir que ele é gay. 
Ela ainda teria dito que o rapaz é "uma vergonha na família" e que a homossexualidade "vai contra a natureza". Mas o avô do jovem não deixou a ação passar em branco e escreveu uma longa carta para a filha, questionando a atitude dela. Uma foto da carta foi compartilhada nas redes sociais e rapidamente viralizou. "Um pai renegar seu filho é o que 'vai contra a natureza''', escreveu o avô.

Após o ocorrido, Chad se mudou para a casa do avô. Confira a carta, na íntegra (em tradução livre). "Querida Christie, Estou desapontado com você enquanto filha. Você tem razão que a gente tem ‘uma vergonha na família’, mas errada em relação ao que ela é. Expulsar Chad de casa simplesmente porque ele te contou que é gay é a verdadeira 'abominação' aqui. Um pai ou uma mãe renegar seu filho é o que 'vai contra a natureza'. A única coisa inteligente que ouvi você falar em tudo isto foi que 'você não criou um filho para ele ser gay'. Claro que você não criou. Ele nasceu desse jeito e não escolher isso, tal como não escolheu ser canhoto. Você, porém, fez uma escolha de ser ofensiva, pobre de espírito, e retrógrada. Então, enquanto você está no processo de renegar seu filho, eu acho que vou aproveitar o momento para te dizer adeus. Eu agora tenho um 'fabuloso' (como os gays falam) neto para criar, e não tenho tempo para uma filha desgraçada e sem-coração. Se você encontrar seu coração, liga pra gente. Pai"

Nenhum comentário:

Postar um comentário