quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Eduardo Cunha é agredido e xingado em aeroporto do Rio

O ex-deputado e ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) voltou a sofrer ataques e ser vaiado nesta quarta-feira (12), ao desembarcar no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, vindo de um voo de Brasília. Desta vez, porém, o deputado cassado chegou a ser agredido fisicamente por uma mulher. No Twitter, o peemedebista, que teve o mandato cassado pelo Plenário da Câmara e ainda é réu por corrupção e lavagem de dinheiro no âmbito da Lava Jato, respondeu que "o mesmo grupinho" que costuma vaiá-lo nos aeroportos tiveram informação de sua chegada. 

"O mesmo grupinho da semana passada, liderado pela mesma mulher, estavam ontem me esperando no aeroporto. Óbvio que tiveram a informação da minha chegada, em horário semelhante da semana passada. Continuo a dizer, pode vir me esperar, será um prazer. E não vão me constranger. Se eles perderam as suas boquinhas, o problema é deles", ironizou Cunha. (JB)

Nenhum comentário:

Postar um comentário