quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Presidiário é eleito vereador e dever ser confirmado no cargo

presdio
A Justiça Eleitoral da Paraíba deve confirmar a eleição de um detento em Catolé do Rocha, no interior da Paraíba, com a diplomação dele em 2017. Bira Rocha  do PPS, foi o sexto candidato mais votado na disputa pela Câmara Municipal. O candidato teve 948 votos, 433 a menos que o primeiro colocado.

Bira Rocha está preso no Complexo Penitenciário de João Pessoa, acusado de assassinatos e de chefiar uma quadrilha de tráfico de drogas.

Segundo o Tribunal Regional Eleitoral, por cumprir prisão preventiva e não ter sido condenado em última instância, ele é elegível e pode ocupar o cargo de vereador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário