domingo, 23 de outubro de 2016

Proprietários denunciam que foram “barrados” ao tentar entrar no condomínio Torres da Primavera

Um grupo de mutuários do Condomínio Torres da Primavera, no bairro Jardim Primavera, em Itabuna, se mobilizou na tarde deste sábado (22), em frente ao local, após terem sido “barrados” por seguranças ao tentar entrar no condomínio para ver as moradias.

Outra queixa dos mutuários é com relação ao tempo de espera no que diz respeito à entrega dos imóveis. Já se passaram oito anos e as obras nos apartamentos ainda não foram concluídas. “Tem apartamento que já está se deteriorando, por causa dos anos, sem ter quem cuide, precisando de reforma”, desabafou um mutuário, que não quis se identificar.

Ainda não se sabe o que, de fato, está acontecendo. Mas, os proprietários dos imóveis acreditam que existe algum “impasse” entre a construtora Tecnosol e a Caixa Econômica Federal que, de acordo com mutuários, garantiu entregar os apartamentos no final de março desse ano. 

“A Caixa, no entanto, não apresentou nenhum plano de entrega e não deu nenhuma satisfação. Nós queremos saber quando nós vamos receber nossos apartamentos. Qual será a data? Qual será o dia? Eles fazem várias promessas e não cumprem nenhuma”, disparou o mutuário. O Condomínio Torres da Primavera tem 167 apartamentos, divididos em três torres.

Em tempo, O Verdinho Itabuna está à disposição para que representantes da Caixa ou da Tecnosol emitam seus devidos esclarecimentos acerca do assunto.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário