domingo, 30 de outubro de 2016

VÍDEO: De volta à Conquista, meninos Gustavo e Rafael explicam como aliciador os enganaram

As duas crianças que foram encontradas em São Paulo após sumirem de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, voltaram para casa na manhã deste sábado (29).
Gustavo Santos Pereira, de 9 anos, e o tio, Rafael Reis dos Santos, de 10, foram recebidos com festa pela família, amigos e vizinhos. Os meninos passaram três dias fora de casa.

A família agora se sente aliviada com as crianças por perto novamente. “Sem palavras. É muita alegria, muita felicidade ver o carinho que tiveram com a gente, com os nossos filho”, disse Daiana Reis, mãe de Gustavo e irmã e Rafael. Os garotos foram encontrados vendendo balas na rodoviária de São Paulo. Uma mulher que passava pelo local estranhou o comportamento dos dois e acionou a Guarda Municipal.

Os meninos foram levados para o Conselho Tutelar da cidade, que fez contato com os familiares deles e abrigou os garotos até a chegada dos responsáveis deles. “Eu pensava que ia acontecer com qualquer pessoa, menos comigo”, relatou Elizabete Reis, mãe de Rafael e avó de Gustavo. Os garotos contaram que planejaram fugir de casa porque queriam conhecer São Paulo.

“Eu chamei Gustavo e ele disse que estava planejando [conhecer a cidade] Aí nós já tinhámos planejado tudo e quando ele chegou da banca ele arrumou as coisas dele, mas eu já tinha arrumado [as roupas para fugir] faz tempo”, relatou o menino Rafael. Na rodoviária de Vitória da Conquista, os meninos conheceram um homem que, segundo as crianças, se ofereceu para levá-las para a capital paulista. Câmeras de segurança do terminal registraram o momento em que o homem conversa com Gustavo e Rafael. “Ele falou bem assim: mano, eu tenho uma casa lá, tem tudo lá”, relatou Gustavo.

As crianças contaram que pegaram caronas em caminhões e vans até chegarem em São Paulo. Ainda conforme os meninos, o homem que estava com eles se passou por pai deles e colocou os meninos pra vender doces pra conseguir dinheiro na capital paulista. Em seguida, o homem fugiu e levou todos os pertences das crianças. “Levou celular, roupa, sapato importado”, disse Gustavo. Agora, as mães dos meninos garantem que ficar ainda mais atentas aos passos das crianças. “Todos os passo de Gustavo e Rafael vão ser controlados por todos das família, porque eles foram bem espertos, ao mesmo tempo bem inocentes”, disse Daiana, mãe de Gustavo. As investigações da Polícia Civil continuam, na tentativa de identificar e localizar o suspeito de levar as crianças para São Paulo. Até a publicação desta reportagem, ninguém havia sido preso.

Caso

Duas crianças de 9 e 10 anos sumiram de casa em Vitória da Conquista, no sudoeste da bahia, na madrugada de quarta-feira (26). Conforme a família, os meninos, que são tio e sobrinho, moravam em casas diferentes e saíram de madrugada, conforme familiares. O desaparecimento só foi percebido pela família no início da manhã. Um dos garotos chegou a deixar o quarto arrumado. Os garotos foram vistos na madrugada de quarta na rodoviária de Vitória da Conquista. Abordadas por policiais, as crianças disseram que iam viajar com uma tia. // G1 Bahia . TV Sudoeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário