domingo, 27 de novembro de 2016

Advogado é preso ao tentar entregar cigarros 'recheados' de maconha a detento na Bahia

Um advogado de 39 anos foi preso em flagrante dentro do complexo policial de Barreiras, no oeste do estado pois ele estava com cigarros recheados de maconha para entregar a um detento, que segundo a polícia é cliente dele. 

A prisão ocorreu na sexta-feira (25). O advogado, que exerce a profissão há apenas dez meses, vai responder por tráfico de drogas. 

De acordo com a polícia, a droga estava embalada em papel de cigarro comum, mas após os agentes fiscalizarem os cigarros, perceberam que tinha maconha nele. Ainda conforme a polícia, o advogado informou que não sabia que os cigarros eram de maconha, que só iria entregar a encomenda enviada pela família do cliente.

5 comentários:

  1. Não sabia!!! Me faça uma garapa de limão balão viu. Nem um tunel de óleo de peroba lambuza essa cara de pau desse advogado.

    ResponderExcluir
  2. O advogado não tem nome não? Se é alguém sem uma formação acadêmica tinha nome, sobrenome, rg, cpf, filiação tipo sanguíneo e tudo nada, vamos passar a notícia com mais precisão.

    ResponderExcluir
  3. Cara de pau ele pensou que não ia ser revistado aqui em Itabuna e que advogados entra com drogas e celular para levar para seus clientes

    ResponderExcluir
  4. Se a OAB não ir para os meios de comunicações fazer barulho dizendo que ele é inocente. Lembro-me quando um advogado, aqui da cidade, foi preso, a OAB fez o maior fordoço.

    ResponderExcluir
  5. isso nunca vai ter fim, pra melhorar um pouco a justiça que é mais bandida que os criminosos, deveria impedir os presos de ter acesso a pessoas de fora do presídio salvo por fone com um vidro blindado na frente como nos estados unidos. simples não é :???

    ResponderExcluir