segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Coaraci: Vereadores aprovam reajuste e passam a ganhar R$ 7,500, moradores protestam

Moradores da cidade de Coaraci, sul da Bahia, protestaram na semana passada durante a sessão da Câmara Municipal,  com o plenário lotado de manifestantes. A motivação do protesto foi a aprovação do reajuste nos subsídios dos parlamentares. A nova lei sancionada no dia 20 de setembro eleva o pagamento em quase 25%, chegando em R$ 7.596,68 (Sete mil quinhentos e noventa e seis reais, sessenta e oito centavos).

O valor passa a valer a partir de 2017. Alguns cargos do executivo também teve um generoso ajuste. O prefeito passa a receber R$ 18.200,00 (dezoito mil e duzentos reais); o vice em R$ 9.100,00 (nove mil e cem reais); dos secretários e controladores internos em R$ 5.300,00 (cinco mil e trezentos reais). “A muitos parece que tal decisão é despropositada considerando-se as dificuldades orçamentárias enfrentadas pelo município, a crise em que vive o país e também por não ter havido debate com a comunidade sobre esta lei antes de sua aprovação”, diz o texto da petição. 

O pedido de revogação foi entregue ao presidente da Câmara após o discurso do representante do grupo “Cidadãos Conscientes de Coaraci”. Na sessão desta segunda (28) a população irá pressionar novamente sobre o posicionamento do legislativo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário