quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Três crianças brasileiras são mortas pelo pai em Porto Rico

Duas meninas e um garoto de 5 a 9 anos de idade foram achados mortos nesta quarta-feira (2) na cidade de Ponce, em Porto Rico. Segundo a polícia, elas foram mortas pelo pai, que em seguida se enforcou. As três crianças e a mãe são brasileiras, segundo a investigação - todas nascidas em Santa Catarina. 
Os sinais são de que as crianças foram asfixiadas ou estranguladas. O pai é o americano Erick Ramírez, 50 anos. Ele já havia sido denunciado pela mãe das crianças por conta de casos de violência. O crime aconteceu quando a mãe havia viajado e as crianças estavam aos cuidados da avó paterna. O pai então foi ver os filhos, Erick, 9 anos, Elin, 7, e Emanuele, 5.

A tia das crianças, Marli da Rocha, disse ao G1 que a família se mudou para Porto Rico há três anos. “Era um pai muito carinhoso, muito prestativo, só com ela era um pouco violento”, disse a tia.

A mãe tinha ido para os EUA fazer um curso. As crianças foram achadas mortas nas camas. “Não sabemos o que pode ter acontecido. O menino e as duas meninas estavam em suas caminhas. O que aparenta é que as crianças foram estranguladas”, afirmou o superintendente da polícia, José Luis Caldero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário