quarta-feira, 1 de março de 2017

Após reforma de R$ 20 mil, Temer desiste de morar no Palácio do Alvorada

Depois de apenas 11 dias no Palácio da Alvorada, o presidente Michel Temer (PMDB) contou a aliados que não se acostumou com a estadia e decidiu voltar a morar no Palácio do Jaburu. Segundo informações da Folha de S. Paulo, citando auxiliares do governo, Temer disse que a residência oficial da Presidência da República é "grande e longe demais". 

Para ele, o Jaburu é um local "mais aconchegante" para sua família. Como o peemedebista passou o feriado de Carnaval na Bahia, os funcionários da Presidência aproveitaram o período para realizar a mudança. Temer havia se mudado para o Alvorada no último dia 17, depois de realizar uma série de reformas, que chegaram a R$ 20,2 mil. 

Além de tela de proteção para o filho pequeno, Michelzinho, as obras compreenderam mudanças na tapeçaria e peças de obra de arte. De acordo com a publicação, Marcela não gostava do tom escuro de parte da mobília e pediu para substituir alguns sofás por outros de tonalidade mais clara. Com a nova mudança, o Alvorada volta a ser ponto de eventuais reuniões políticas do presidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário