segunda-feira, 24 de abril de 2017

Modelos acusam donos da Playboy no Brasil de assédio sexual

Os empresários André Luís Sanseverino e Marcos Aurélio de Abreu Rodrigues e Silva, sócios da editora que publica a revista "Playboy" no Brasil, PBB Entertainment, são acusados por oito modelos de assédio sexual. De acordo com a denúncia, reportada pelo 'Fantástico', da Rede Globo, os dois teriam prometido oportunidades de trabalho, fama e sucesso em troca de fotos nuas e sexo. 

O assédio teria ocorrido em uma festa de relançamento em agosto de 2016, quando as modelos trabalharam vestidas de 'coelhinhas' - ícone da revista. Ainda conforme a reportagem, Sanseverino teria prometido transformar "meninas comuns em grandes modelos ou atrizes". No processo, conversas pelo WhatsApp estão sendo utilizadas para comprovar a acusação. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário