segunda-feira, 24 de abril de 2017

Suspeito de participação em morte de policial é assassinado

Danilo José Silva Santos foi morto a tiros, por volta das 22h da noite desta segunda-feira (24), na Avenida Princesa Isabel, em Ilhéus. Ele havia acabado de deixar a delegacia, onde havia sido apresentado como suspeito de envolvimento no assassinato do policial militar Tyrone Thomaz, no domingo (23).

As informações são de que Danilo estava em direção a casa onde morava, no condomínio Morada do Porto, quando o veículo foi interceptado por homens que o fizeram descer do carro e deflagaram mais de 10 disparos. 

Danilo foi preso em Gandu, na madrugada de hoje, após informação anônima de que um dos envolvidos na morte do policial estaria fugindo para a cidade de Salvador. Policiais civis da 7a COORPIN de Ilhéus e Policiais Militares da Cipe Cacaueira, policiais das CIPMS 68 e 69, interceptaram um ônibus da Viação Águia Branca, por volta das 02h, em Gandu, localizando Danilo.

Danilo contou à polícia que a morte do policial militar teria sido praticada por Fabricio Santana Caetano, vulgo Beiço. Disse ainda que o encarregado de dirigir o veículo usado na fuga foi Fabricio Magno de Santana, vulgo Testinha.






Nenhum comentário:

Postar um comentário