segunda-feira, 8 de maio de 2017

Jovem manda foto de blitz em grupo no WhatsApp e acaba preso em flagrante

Quem participa de grupos de WhatsApp destinados a denunciar blitz deve ficar atento. Em Santa Cecília do Pavão, no Paraná, um jovem foi preso ao alertar em uma rede social que estava acontecendo uma blitz em uma importante avenida do município.

De acordo com a PM, o rapaz fotografou a operação e chamou atenção dos policiais, que o prenderam em flagrante. O rapaz foi levado à Delegacia de Polícia e indiciado com base nos artigos 265 (Atentado contra a segurança ou ao funcionamento de serviços de utilidade pública) e Art.331 (Desacatar funcionário público no exercício da função ou em razão dela).

Quem for pego por atentado contra a segurança pode pegar até cinco anos de prisão, como diz o artigo 265 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário