domingo, 4 de junho de 2017

Holloway cumpre promessa, bate Aldo e assume o reinado dos penas no UFC

José Aldo não é mais o campeão dos penas do UFC. Na noite deste sábado, no Rio de Janeiro, o brasileiro que reinou por tanto tempo na categoria sentiu o peso da mão do norte-americano Max Holloway que, após uma longa sequência de golpes, faturou o nocaute no terceiro round.   

Aldo, que não lutava há quase um ano, desde que venceu Frankie Edgar no UFC 200, fazia uma luta segura contra Holloway, mostrando a que veio logo no primeiro round, quando conseguiu boa sequência e quase nocauteou. A partir do segundo assalto, porém, as coisas mudaram.  Nos cinco minutos seguintes, Holloway melhorou, e o segundo round foi bastante equilibrado. 

Já no terceiro, a mão do norte-americano entrou em cheio em Aldo, que caiu. Ali teve início um longo sofrimento para o brasileiro, que tentou seguir como pode, mas não teve jeito: nocaute.  

O futuro de Aldo agora é incerto. Até a luta deste sábado, o brasileiro já havia chegado, inclusive, a falar em aposentadoria, mas voltou atrás para buscar novos desafios. Muito estava em jogo, contudo, na luta contra Holloway, já que uma vitória ampliaria muito mais suas opções no UFC.  Nocauteado em 13 segundos no UFC 194, em dezembro de 2015, Aldo nunca escondeu o desejo de reencontrar Conor McGregor, e a subida para os leves seria um caminho. O brasileiro também falou que pensaria nas chamadas "super lutas", mas, para isso, também dependia da vitória sobre Holloway.

5 comentários:

  1. nenhum comentario; postar um comentario

    ResponderExcluir
  2. infelismente a vida é um jogo ... hj estamos por baixo amanha por cima ... futuro incerto entao na temos q dizer q somos o melhor ou o pior . so tenho certeza q temos q ter sempre humildade.

    ResponderExcluir
  3. infelismente a vida é um jogo ... hj estamos por baixo amanha por cima ... futuro incerto entao na temos q dizer q somos o melhor ou o pior . so tenho certeza q temos q ter sempre humildade.

    ResponderExcluir
  4. ninguém é imbativel, nem mesmo quem venceu, levanta sacode a poeira e dar a volta por cima, principalmente que é bom e tem talento, vamos pra revanche e voltar a ser um vencedor.

    ResponderExcluir