terça-feira, 6 de junho de 2017

Homem é condenado a 14 anos de prisão por assassinar irmão em Itabuna

Genildo Teixeira de Jesus foi condenado a 14 anos de reclusão em regime fechado pelo crime de homicídio, no júri desta terça-feira (6), no Fórum Ruy Barbosa, em Itabuna.

Os jurados decidiram que o réu é culpado pelo assassinato do irmão dele, Cosme de Jesus Teixeira. O crime aconteceu em 30 de dezembro de 2003, no bairro Lomanto.

Genildo não esteve presente no júri, uma vez que, há 10 anos, a família não tem informações sobre ele. Agora, passa a ser considerado foragido e pode ser preso assim que for encontrado.

Na época, Genildo havia brigado com o irmão um dia antes do crime. No dia 30 de dezembro, ele entrou em um bar, onde Cosme estava com amigos, e deu um golpe de faca no pescoço do irmão, que não resistiu.

Ele chegou a ficar preso durante alguns anos por outro crime no Espírito Santo. Depois que foi solto, a família não teve mais notícias. O júri teve início por volta das 9h da manhã, terminando às 13h.(Texto: Diário Bahia/ Informações: Marcos Soares – Rádio Difusora)

4 comentários:

  1. tem foto verdinho do condenado?

    ResponderExcluir
  2. Que lei é essa
    kkkkkkkkkkkkkkkkk
    tão lenta que nen sabe onde esta o assassino kkkkkkkk
    só no brasil mesmo
    que vergonha gente
    bando de analfabetos até na justiça
    kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  3. Preso msm é o finado gogoi

    ResponderExcluir