quarta-feira, 19 de julho de 2017

Ilhéus: Polícia suspeita de erro em ultrassom no caso de 'sumiço' de bebê

A Polícia Civil da cidade de Ilhéus trabalha com a hipótese de erro no exame de ultrassonografia que apontava a gestação de dois bebês da dona de casa Cleidiane Silva dos Santos, que disse estar grávida de gêmeos e ter recebido apenas uma criança após o parto. 

A informação é do titular da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), Evy Paternostro, que ouviu parte da equipe médica que realizou o parto. Os depoimentos foram prestados na manhã desta quarta-feira (19). 

Foram ouvidos o pediatra, o médico obstetra e um técnico de enfermagem. Eles disseram que foram para o centro cirúrgico preparados para fazer parto de gêmeos e ficaram surpresos quando encontraram uma placenta, um cordão umbilical e um bebê. O restante da equipe médica será ouvida pela polícia nos próximos dias. Fotos retiradas durante o parto serão anexadas ao inquérito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário