quinta-feira, 27 de julho de 2017

Mais de 20 sem terra são detidos após invasão de terras da Veracel


Exatamente 34 pessoas, entre homens, mulheres e crianças ligadas a União da Resistência Camponesa (URC) foram conduzidas para a delegacia de Porto Seguro, na noite de quarta-feira (26), sob a acusação de terem invadido uma fazenda de plantio de eucalipto da Veracel Celulose, no município de Santa Cruz Cabrália, e terem destruído cerca de 40 hectares de plantação.

Além disso, o grupo é suspeito de ter depredado um carro da Visel, empresa que presta serviço na área de segurança para a Veracel.

De acordo com o delegado Felipe Martins, os suspeitos foram presos em flagrante e autuadas pelos crimes de invasão de terra com emprego de violência.


Segundo a advogada que está representando o grupo de manifestantes, Sinnedria Dias, eles estavam ocupando uma área que está sendo questionada como terra devoluta (pertencentes ao Estado), quando entraram em conflito com seguranças da Veracel, que queriam que eles saíssem da área.*Radar64

Nenhum comentário:

Postar um comentário