domingo, 6 de agosto de 2017

Barro Preto sofre com as constantes falta de energia

Resultado de imagem para coelba deixa comunidade sem energiaAs constantes quedas e interrupções no fornecimento de energia elétrica na cidade de Barro Preto, Bahia, estão deixando a população irritada e muito insatisfeita. Os consumidores da Coelba no município tem passado por momentos de dificuldade em utilizar os serviços. Comerciantes e moradores tem reclamado da desatenção da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia(COELBA), as quedas vêm causando grandes prejuízos com a queima de equipamentos elétricos e eletrônicos. 

Os consumidores não sabem a quem recorrer e apelam ao BP NEWS para denunciar o descaso da empresa com os consumidores da cidade. 

Vários moradores tem reclamado do péssimo serviço prestado pela Coelba. O problema acontece diariamente e está prejudicando toda a comunidade.

Com relação a queima de aparelhos, os consumidores entram em contato com a empresa de eletricidade e não tem recebido o ressarcimento dos prejuízos.

D. Maria do Rosário conta que precisou encaminhar, por duas vezes, a geladeira para o conserto. Em uma delas, diz que pagou R$ 300 e cerca de quatro dias depois o eletrodoméstico parou de funcionar novamente.

"Na segunda vez, em menos de uma semana, quebrou de novo e paguei R$ 200. na vizinhança vários vizinhos relatam que mandaram televisores para Itabuna, mandaram também freezers e aparelhos de som. Diariamente falta energia e quando volta vem com uma carga muito além dos 127v", relata.


Colega de trabalho de Dona Maria fala que também gastou cerca de R$ 500 em consertos de três eletrodomésticos. Dois dos aparelhos foram encaminhados para Itabuna. "Na minha casa queimou o microondas, a geladeira e a televisão. Foi esse mês agora. O conserto da minha televisão foi R$ 200 e R$ 300 dos demais", disse.

Vários moradores reclamam que procuram a Coelba através do atendimento via telefone, mas sem sucesso. "Não ouvem a gente. O rapaz diz 'muito obrigado pela sua ligação', nos cortando. Não é nada resolvido", reclama.

Valor da fatura
Outro ponto negativo com relação a energia elétrica seria o valor das faturas recebidas pelos moradores. De acordo com a professora Sandra, os moradores estariam pagando caríssimo pela energia. 

"As contas vêm entre R$ 100 a R$ 200 por mês. Você fica com um talão atrasado, eles cortam a energia. 

Quem também tem amargado muitos prejuízos é a Prefeitura Municipal, a queima de lâmpadas nas ruas e praças do município aumentou muito as quedas de energia e as interrupções de fornecimento tem diminuído muito a vida útil das lâmpadas, além de queimar uma grande quantidade todos os meses.

O BP NEWS está realizando um abaixo assinado na internet que será entregue ao Ministério Público para que o mesmo tome as providências no intuito de defender os interesses públicos, exigindo que a COELBA - Companhia de Eletrificação do Estado da Bahia, melhore os serviços oferecidos extinguindo as constantes quedas e interrupções de energia que tem imposto diversos prejuízos financeiros a todos os clientes e comunidade.

Esse é o endereço do abaixo assinado é simples e rápido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário