terça-feira, 15 de agosto de 2017

Estudantes da UESC cobram bolsas atrasadas

Em março desse ano, o governador Rui Costa (PT) anunciou a criação do programa Mais Futuro. A iniciativa retirou a autonomia da gestão das bolsas de auxílio permanência e de estágio das universidades estaduais. Agora a Secretaria de Educação do Estado da Bahia concentra o serviço.

Na semana passada, o Blog do Gusmão ouviu três estudantes da UESC que ainda não receberam o auxílio permanência referente ao mês de julho. Outros beneficiários fizeram a mesma reclamação num grupo no Facebook.

Além dos beneficiários do auxílio permanência, o atraso do pagamento também prejudica novos estagiários. “Eu trabalho desde o dia 21 de junho e ainda não recebi. Eu estou trabalhando literalmente de graça”, nos disse uma estudante que preferiu ter a sua identidade preservada.

nesta terça´feira (15), a partir das 10 horas, o atraso vai ser um dos temas da Assembleia Geral Extraordinária convocada pelo Diretório Central dos Estudantes da UESC.

Ontem (14), a Assessoria de Assistência Estudantil da UESC explicou que busca informações sobre o atraso junto à Secretaria de Educação. Na última sexta-feira (11), o governo estadual autorizou nova remessa de pagamentos. A liberação do dinheiro, no entanto, depende do processamento do Banco do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário