terça-feira, 15 de agosto de 2017

Ilhéus: Lista de contemplados do MCMV Vilela é publicada e vistorias serão a partir de quarta

A lista completa com os nomes dos 656 contemplados no programa “Minha Casa Minha Vida”, do conjunto Residencial Vilela, localizado no bairro Teotônio Vilela, foi publicada no Diário Oficial do município de Ilhéus, no site (www.ilheus.ba.gov.br/), nesta segunda – feira, 14.

O sorteio dos contemplados foi realizado na última quinta-feira, 10, na Superintendência da Caixa Econômica Federal em Itabuna, com a presença do prefeito de Ilhéus Mário Alexandre, vice-prefeito, José Nazal Pacheco Soub, coordenador do setor de Habitação, Welder Santos, gerente regional da Caixa, Alberto Catarino Neto e demais representantes da instituição financeira.

A convocação para a realização das vistorias também foi divulgada nesta segunda e elas serão iniciadas na quarta-feira, 16, e durante os dias 17 e 18 e 21 das 08h às 12h e das 13h às 17h, no local do empreendimento, situado na Rua do Acupipe S/N. Todos os beneficiários deverão comparecer com documento com foto e o contemplado (casado) com seu cônjuge.

Na quarta- feira, 16, devem comparecer os sorteados nos blocos: 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21,22, 23 e 24. Na quinta-feira, 17, será a vez dos sorteados nos blocos 25, 26, 27, 28, 29, 30, 31, 32, 33 e 34. Na sexta-feira, 18, os contemplados nos blocos 01, 02, 03, 04, 35, 36, 37, 38, 39, 40 e 41. E, na segunda-feira, 21, último dia das vistorias, os sorteados nos blocos 05, 06, 07, 08, 09, 10, 11, 12, 13 e 14. A lista completa com nomes e datas pode ser conferida no endereço eletrônico (www.ilheus.ba.gov.br).


O coordenador de habitação da secretaria de Desenvolvimento Social de Ilhéus, Welder Santos, destaca que os contemplados devem ficar atentos às datas publicadas. “É importante que todos estejam atentos para acompanhar as vistorias e ver se o seu apartamento está dentro dos padrões. Os beneficiários também têm que atentar para as datas de assinatura de contrato e, por fim, o recebimento da chave da sua moradia”, informa.


Auditoria – Em março e abril, a SDS realizou, a pedido do prefeito Mário Alexandre, uma auditoria nos dossiês dos pré-selecionados do Programa Minha Casa Minha Vida, dos conjuntos habitacionais do bairro Teotônio Vilela, e Rio Cachoeira, no Banco da Vitória. O objetivo foi garantir que os beneficiários fossem, de fato, os que não têm moradia própria e se enquadravam no perfil socioeconômico de vulnerabilidade social, realizando visita técnica e pesquisa imobiliária, a partir da inscrição do IPTU e entrega de documentos que comprova-se as informações declaradas no ato da inscrição, já que, a lista dos pré-selecionados tinha sido publicada no dia 28 de dezembro, na época de transição do governo.

O coordenador ressalta que houve ainda uma liminar do Ministério Público Federal e da Bahia solicitando que as famílias amparadas pela Defesa Civil, que residissem em áreas de risco, em situações insalubres e vulnerabilidade habitacional no município, fossem priorizadas. De acordo com a portaria do Ministério das Cidades, nº 412/2015, outros critérios devem ser analisados, como aquelas que moram em áreas de barrancos, encostas, desmoronamento e outras definidas pela Defesa Civil, para priorizar as famílias que se encontram nas situações acima citadas para o “Minha Casa Minha Vida”, já que se enquadram no perfil exigido pelo programa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário