terça-feira, 15 de agosto de 2017

Prefeitura cumpre a última etapa para implantar Vila Gastronômica do Banco da Vitória


Todas as etapas que cabiam à Prefeitura de Ilhéus para, finalmente, dar início à implantação da Vila Gastronômica do Banco da Vitória, na rodovia Jorge Amado, já foram cumpridas pelo governo municipal. Ontem (14), em Salvador, o secretário municipal e Turismo e Esporte (Setur), Roberto Lobão, esteve om o superintendente de Infraestrutura e Transportes (SIT) da Bahia, Saulo Pontes, e juntos definiram o último passo que antecedia a deflagração do processo de contratação de empresa para execução do projeto.

O encontro contou ainda com a presença de Carlos Henrique Taboada (Diretor de Projetos Acompanhamento e Fiscalização da Secretaria Estadual de Turismo) que é um dos maiores entusiastas da iniciativa, e a engenheira Cláudia Nolasco Ortega, gerente de Fiscalização de Obras de Convênios da Prefeitura de Ilhéus.

Na semana passada, o prefeito de Ilhéus Mario Alexandre havia oficializado junto à gerência executiva de governo da Caixa Econômica Federal, em Salvador, a entrega do novo projeto da Vila Gastronômica do Banco da Vitória. O projeto passou por adequações solicitadas pela instituição financeira e foi entregue antes mesmo do prazo estabelecido entre as partes.

Novo equipamento turístico - O Projeto Vila Gastronômica do Banco da Vitória visa criar um novo equipamento turístico no município, tornando o bairro um ponto econômico importante na valorização de bares e restaurantes, entre os principais municípios da região, Ilhéus e Itabuna, e próximo, também, à Universidade Estadual de Santa Cruz.

O projeto conta com aporte de recursos resultante de emendas da senadora Lídice da Mata, no valor de R$ 840 mil. “A proposta, ao longo os anos, é termos opções gastronômicas no bairro ilheense, a exemplo do que acontece em Santa Felicidade, em Curitiba”, destacou o prefeito Mário Alexandre.

A iniciativa prevê investimentos na urbanização da área, na comunicação visual, em áreas de estacionamento, iluminação e drenagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário