domingo, 3 de setembro de 2017

Rede inicia coleta assinaturas para criação da lei da ficha limpa municipal

A executiva municipal da Rede Sustentabilidade em Itabuna iniciou neste sábado , 2, o desafio nacional de coleta de assinaturas para a criação da Lei da Ficha Limpa, de iniciativa popular, para cargos de confiança. O objetivo é colher 7.600 assinaturas no município.

De acordo com a porta-voz da Rede em Itabuna, Lisdeili Nobre, é inadmissível que um gestor condenado impedido de disputar uma eleição, possa exercer cargos comissionados em órgãos públicos e prefeituras. “Como pode um candidato não poder concorrer em uma eleição porque tem antecedentes criminais e exercer cargos públicos comissionados?”, questionou.

O coordenador de organização estadual da Rede Irland Correia, afirmou que o projeto precisa do apoio da população de Itabuna, principalmente aqueles que não se sentem representados e querem dar um basta nessa questão. “Nós em Itabuna estamos engajados neste projeto importante e que toda a sociedade deve participar”.

O publicitário e Coordenador de Formação da Rede, Linho Costa, disse que se sente um verdadeiro cidadão em poder participar deste processo democrático e importante para o futuro do país. “Estaremos nas ruas colhendo estas assinaturas, é importante a participação de todos”, destacou.

O Geógrafo e pré-candidato a Deputado Federal pela Rede Roberto José, o país vive um momento de transformação, no entanto os passos precisam ser dados a partir de Itabuna. “Não podemos permitir que somente os deputados ajam, baseados em critérios e situações que desconhecemos. Precisamos fazer a nossa parte.”, disse.

A primeira assinatura coletada foi do empresário Baracat Habib, que parabenizou a iniciativa e garantiu se engajar no apoio das coletas de novas assinaturas. No próximo sábado, 9, a Rede Sustentabilidade estará na Praça Adami coletando assinaturas. Durante a semana, os membros visitarão faculdades e escolas, buscando conscientizar os estudantes da importância de ingressar nesta campanha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário