terça-feira, 3 de outubro de 2017

Relembre os maiores ataques a tiro da história dos Estados Unidos

O ataque mais recente, em Las Vegas, já é o maior da história do país
Os Estados Unidos tem sido palco de dezenas de atentados a tiro ao longo de sua história. O ataque a tiros na noite de domingo (1º) em Las Vegas já é considerado o pior ataque feito por um atirador na história dos Estados Unidos. A última atualização é de 58 mortes confirmadas e 515 feridos, superando o ataque de Orlando, na Flórida, no ano passado, quando morreram 49 pessoas. Relembre outros atentados com utilização de armas de fogo que marcaram a história do país.

2016 - Orlando – Flórida

49 mortos


Omar Saddiqui Mateen, de 29 anos, entrou na boate gay Pulse em 12 de junho de 2016 e matou 49, mais 53 ficaram feridas. Omar já era investigado por ter citado ligações com o terrorismo no trabalho.


2007 – Blacks Burg, Virginia

32 mortos

O coreano Cho Seung-Hui, de 23 anos, matou 32 pessoas, entre estudantes, professores e funcionários da Universidade Virginia Tech.


2012 – Newton, Connecticut

27 mortos

Adam Lanza, 20 anos, entrou armado na escola de ensino fundamental Sandy Hook e disparou contra alunos, professores e funcionários. Logo após, o autor dos disparos cometeu suicídio. Antes do atentado, Adam já havia matado sua mãe, Nancy Lanza, em casa. 20 crianças foram mortas.


1991 – Killen, Texas

23 mortos

George Hennard, de 35 anos, invadiu uma cafeteria com sua caminhonete e logo após disparou contra as pessoas que estavam presentes no local. Depois do ato, George cometeu suicídio.


1984 – San Ysidiro, California

14 mortos

James Huberty, de 41 anos, utilizou uma submetralhadora para matar crianças e adultos em uma lanchonete do Mac Donalds. A polícia do local matou James no local com um tiro.


1986 – Edmond Oklahoma

14 mortos

Patrick Henry Sherrill, armado com três pistolas, matou 14 carteiros com em menos de 10 minutos. Logo depois, Patrick, que também era um funcionário cometeu suicido.


2009 – Binghamton, Nova Yorque

13 mortos 

Jiverly Wong invadiu um centro de serviços para imigrantes e matou 13 pessoas. Atirou contra professores e colegas de um curso de inglês que frequentavam o local e se matou depois.


1999 – Littleton, Colorado

13 mortos

A dupla de jovens Eric Harris, de 18 anos, e Dylan Klebold, de 17, mataram 12 alunos e 1 um professor da Escola de Columbine. Os dois cometeram suicídio depois do atentado.


2008 – Los Angeles, Califórnia  

9 mortos

Na noite do dia 24 de dezembro de 2008, Bruce Jeffrey Pardo se disfarçou de papai noel e atirou contra nove pessoas na ceia de Natal em Covina. Bruce também se suicidou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário