sábado, 21 de outubro de 2017

Salvador: Suspeito de esfaquear mulher achada morta embaixo de cama, deixou carta com pedido de desculpas

Orlando de Jesus, de 53 anos, é suspeito de matar a companheira em Salvador (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
O homem suspeito de ter matado a facadas a companheira de 46 anos no bairro de Pernambués, em Salvador, deixou uma carta para a família da vítima com um pedido de desculpas pelo crime antes de fugir. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (20) pela Polícia Civil.

Orlando de Jesus, de 53 anos, que trabalha como caseiro, teve a prisão temporária decretada pela Justiça e está sendo procurado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A vítima foi Maria Lucília Santos de Jesus. O corpo dela foi encontrado pela cunhada embaixo da cama com perfurações nas costas, braços e abdômen. O crime ocorreu na noite de quarta-feira (18).

Depois de cometer o homicídio, segundo a polícia, Orlando foi visto saindo da casa onde morava com a vítima, na Rua Nair, com uma mochila. Na carta deixada no imóvel, ainda de acordo com a polícia, além do pedido de desculpas, ele relatou à família da vítima o que tinha acontecido.

A Polícia Civil informou que cinco familiares de Maria e Orlando, que eram casados há 25 anos, já foram ouvidas no DHPP pelo delegado Reinaldo Mangabeira, da 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central).

Todos relataram que Orlando era muito ciumento e, por esse motivo, as brigas entre o casal eram frequentes. Equipes do DHPP estão em diligências desde a noite do homicídio para tentar localizar e prender o caseiro.

A polícia divulgou que qualquer informação que possa colaborar para a localização do suspeito deve ser passada para através do Disque Denúncia, que atende pelo número (71) 3235-0000. Não é preciso se identificar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário