sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Suplente de vereador baiano é preso em São Paulo por suspeita de roubar e estuprar mulher

O suplente de vereador do município baiano de Jussiape, Adson Muniz Santos (PRB), suspeito de estuprar e roubar uma mulher nos Jardins, bairro nobre de São Paulo, na semana passada. De acordo com a polícia pauslita, Adson já fez ao menos sete vítimas. 

O homem teve prisão temporária decretada pela Justiça. ”Ele é um predador sexual”, disse ao G1 a delegada plantonista da 1ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de São Paulo. Segundo a policial, Adson Muniz Santos tinha duas maneiras de abordar as vítimas: além de usar uma arma e um documento falsos da Justiça Federal, ele também se passava por produtor de TV e que poderia ajudar na seleção de um reality show. 

Segundo a delegada, o suspeito não tem residência fixa em São Paulo e estaria hospedado em um hotel. O suplente não tinha passagens pela polícia e negou ter cometido os crimes. Segundo o advogado do acusado, Ricardo Salomão, Adson toma remédios controlados e diz que nãos e lembra dos ataques. ”Vamos pegar o laudo médico com a família, que comprova o tratamento psiquiátrico”, disse o advogado à Folha de S. Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário