sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Sem horário de verão, estudantes da Bahia devem atentar para não perder provas do Enem

Os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na Bahia devem ficar atentos com o horário de início das provas no estado por conta do horário de verão, que começou no domingo (15), em outras regiões do país. Os relógios são adiantados em uma hora no Distrito federal e 10 estados. A Bahia não está incluída.

Por estar fora do horário de verão, os portões nos locais de provas do Enem no estado abrem às 11h, fecham às 12h e as provas começam às 12h30.

Os estudantes devem prestar atenção já que a abertura dos portões informada no cartão disponibilizado através da internet é 12h porque tem como base o horário de Brasília. O Distrito Federal participa do horário de verão e está com o relógio adiantado uma hora.

As provas serão nos dias 5 e 12 de novembro (dois domingos). Conforme o Inep, vinculado ao Ministério da Educação e responsável pelo exame, no dia 5, os candidatos poderão fazer a prova até as 18h (horário na Bahia). Já no dia 12, as provas seguem até as 17h (horário na Bahia).

O local de prova do Enem 2017 será divulgado na sexta-feira (20). O endereço onde cada participante vai realizar a prova será informado nos "Cartões de Confirmação de Inscrição", que precisarão ser consultados na Página do Participante. (http://enem.inep.gov.br/participante/#!/inicial)

O Inep lembra que para acessar o Cartão é necessário fornecer o número de CPF e a senha cadastrada na inscrição.

As pessoas que estão se preparando para as provas na Bahia podem contar com diversos aulões de revisão que serão realizados em Salvador.

Horário de verão

A Bahia está de fora do horário de verão pelo sexto ano consecutivo. A última vez que os moradores do estado adiantaram os relógios no verão foi em 2011, após oito anos sem o estado participar do horário de verão.

Em 2012, o governador Jaques Wagner chegou a anunciar que a Bahia entraria no horário de verão, mas a decisão foi cancelada. A justificativa, segundo o governo, foi pela rejeição da população. Uma pesquisa encomendada pelo governo na época apontou que 75% da população baiana se mostrava contrária à adesão ao horário de verão.

Horário de verão no país

Início - 0h de 15 de outubro (relógio são adiantados em 1 hora)
Fim - 0h de 18 de fevereiro (relógios são atrasados em 1 hora)

O horário de verão foi mantido neste ano para os moradores do Sul, Sudeste e Centro-Oeste. O fim do horário de verão chegou a ser avaliado pelo governo depois que um estudo do Ministério de Minas e Energia apontou queda na efetividade do programa, já que o perfil de consumo de eletricidade não estava mais diretamente ligado ao horário e sim à temperatura, com picos de consumo nas horas mais quentes do dia.

Entretanto, o país passa por mais um ano de chuvas fracas que reduziram o armazenamento de água nas represas das hidrelétricas e o governo vem adotando medidas para garantir a oferta de eletricidade, entre elas o aumento da importação de energia do Uruguai e início da importação da Argentina.

Diante desse quadro, mesmo que pequena, a economia de energia proporcionada pelo horário de verão pode ajudar o sistema elétrico nacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário