quarta-feira, 17 de abril de 2019

Medidas para coibir poluição sonora em bares de Itabuna

Em reunião realizada na manhã desta terça-feira (16), no Centro Administrativo Firmino Alves, os secretários, Jorge Vasconcelos (Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente) e Gilberto Santana (Segurança Transporte e Trânsito) se reuniram com representantes de estabelecimentos comerciais que realizam apresentações musicais ao vivo para discutir medidas e soluções que visem adequar a utilização de equipamentos de som em bares e restaurantes do município. Na pauta do encontro, foram discutidas intervenções realizadas pela Operação Patrulha do Som, que visa controlar a poluição sonora no município.

Abrindo a reunião, o secretário Jorge Vasconcelos falou que a administração municipal está preocupada com os excessos praticados por alguns bares e que a Patrulha do Som tem recebido muitas denúncias acerca da poluição sonora no centro da cidade. Jorge explicou que, ao realizar a Patrulha do Som, o município está cumprindo uma determinação judicial que estabelece a obrigatoriedade do controle sonoro. “O município tem que cumprir a legislação, mas nós não temos a intenção de prejudicar ninguém. 

Vamos achar um denominador comum para que os bares e restaurantes continuem em funcionamento, sem prejudicar a população”. O titular da Sesttran, Gilberto Santana, alertou que é preciso a compreensão de todos em torno desta situação. Santana reconheceu a importância da atividade comercial para o município, mas ressaltou que a população não pode sofrer com a poluição sonora e, para isso, é preciso que os estabelecimentos respeitem a legislação vigente. 


Participando da reunião, o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Itabuna (CDL), Carlos Leahy comentou que existe uma proposta de cooperação entre os proprietários de bares e restaurantes, onde todos entrem em consenso para que ninguém saia prejudicado. “Os proprietários de bares estão empenhados em se adequar para não perturbar a vizinhança, buscando técnicos para realizar um reposicionamento das caixas de som, adequar o volume dos equipamentos, adequar o horário de funcionamento, para que seja possível manter essa cadeia produtiva, onde a economia do município é beneficiada, sem prejudicar o sossego da população”, disse. 

A Operação Patrulha do som foi retomada no mês de março, em cumprimento a uma determinação da justiça, através do juiz Ulysses Maynart, que moveu ação civil pública de nº 0502803402017805013. Intitulada de Operação Patrulha do Som, ela coíbe qualquer ação de perturbação sonora e é operada pela Secretaria Municipal de Sustentabilidade Econômica e Meio Ambiente, via Departamento de Indústria e Comércio, em conjunto com o Ministério Público Estadual, Polícia Militar, Guarda Civil Municipal (GCM), Secretaria Municipal de Segurança, Transporte e Trânsito (Sesttran), Secretaria de Saúde/Vigilância Sanitária e Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur). 

A operação conta, também, com o respaldo da Legislação Municipal de nº 1.710/95, que dispõe sobre o controle e a fiscalização dos meios que geram poluição sonora, e da Lei de nº 2.195/2011, que estabelece a política ambiental e consolida a legislação mediante a instituição do Código Ambiental e equilíbrio ecológico. A Patrulha do Som conta com dois canais de comunicação para denúncias, onde qualquer cidadão que se sentir incomodado com a poluição sonora pode entrar em contato pelos números 156 e (73) 9 8146-9483, que pode ser acionado através de chamada, inclusive a cobrar, ou pelo aplicativo de mensagens WhatsApp.

35 comentários:

  1. Acho que dá pra qualquer frequentador de bares ou restaurantes ouvir o som ambiente, uma boa música não precisa está com som no volume máximo incomodando ninguém, pois ninguém tem a obrigação de ouvir o que os outros querem ouvir. Todos tem o direito de está em sua casa descansando, estudando, lendo um bom livro ou assistindo sua TV.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rpz na espirito santo na california indo pra portelinha é um inferno, logo na subida da ladeira. bora agir, nao tem quem aguente mais, Deus socorro

      Excluir
  2. Bora ver em Ferradas, por ser distante os donos dos inferninhos se aproveitam para botar pocando. Todo sábado e domingo é muito barulho infernal. Falta de respeito !
    Tem Igreja que o padre já cancelou até a missa á noite.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelismente é a unica diversão daqui. Mas esses bregas é barril mesmo. a noite toda zuandona de paredão cumendo.

      Excluir
  3. As elevações estão chegando não vamos votar em ninguém que esteja coligado com Fernando Gomes se preciso for voto no ladrão do pt mais não voto em ninguém que esteja trabalhando pra Fernando o cara tá matando itabuna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aí é contraditório amigo, não é pra votarmos em nenhum corrupto filha de uma rapariga, destroem a nação , antes votar em branco

      Excluir
    2. o voto e meu , e eu voto em quem eu quiser , tem que da educação mesmo em povo mal educado ,parabéns a todos os secretários , policiais e guardas municipais fazendo um belo trabalho , ninguém e obrigado a ouvir musicas de baixo nivel.

      Excluir
  4. Tome marretada,mais desemprego na cidade.

    ResponderExcluir
  5. Só em bar?
    Na rua são João Bairro São Caetano Itabuna, tem um cara com um som insuportável.Tem dias que ele liga das 07:30 e vai até umas horas da NOITE.
    Ele fica do mesmo LADO da loja ROSA MÍSTICA .

    ResponderExcluir
  6. Itabuna é uma cidade do interior, sul da Bahia.
    Mas têm problemas de cidade Grande.
    Combate as Drogas, deveria ser feita com
    mais empenho dos órgãos Municipal e Estadual.
    Se à patrulha incomoda muita gente, imagine
    uma força tarefa anti-Drogas.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo das 09:18, vc me representa👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏.
    Essa atuação deveria ser até em algumas residências, às vezes o vizinho está com um diente em casa e é torturado com tanto lixo que chamam de músicas, afffff.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. CONCORDO PLENAMENTE ..... CADA UMA NÉ

      Excluir
  8. O SOM ALTO É PERTUBADOR....NINGUÉM É OBRIGADO A OUVIR ESTAS MUSICAS TOCADAS EM ALTISSIMO NIVÉL SONORO....PELO AMOR DE DEUS..NINGUEM AQUI ESTA FALANDO EM POLITICA OU POLITICOS...É PRECISO SIM QUE O SON ALTO PERTUBADOR SEJA COIBIDO...QUE HAJA MULTAS E APREENSSAÕ DO SOM....OS CARAS ABREM O FUNDO DE SEUS CARROS E COLOCAM O SOM EM UMA ALTURA INSUPORTAVÉL...AI SÓ CHAMANDO A PATRULHA DO SOM ..PORQUE ELES SAÕ VALENTES. POLICIA NESSES CORNOS.

    ResponderExcluir
  9. Pq nao proibem tbm essas descargas de moto que faz mais barulho que som automotivo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque não proibem voce de abri essa boca .

      Excluir
  10. Patrulha do Som suba o Novo Horizonte, Pau Caído, Boqueirao do São Lourenço ficar só no centro é uma boa.

    ResponderExcluir
  11. Não só bares e restaurante, precisamos ver algumas igrejas que extrapolam com som e gritaria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. na minha rua tem uma que os fiéis bate até panela. povo doido. pra que isso. é uma gritaria, choradeira parece que tão sendo torturados. 2 vizinhos ja não aguentaram mais e se mudaram.

      Excluir
  12. TEM UM BAR NO CONCEIÇÃO, CHAMADO BAR DO LETO QUE AOS FINS DE SEMANA GERA UM BARULHO ENSURDECEDOR, COM MÚSICA RUIM E GRANDE INCÔMODO AOS ENFERMOS, IDOSOS E CRIANÇA DAS RESIDÊNCIAS PRÓXIMAS. ATENÇÃO, PATRULHA DO SOM!

    ResponderExcluir
  13. VAMOS VER TAMBÉM AS MESAS DOS BARES NA CALCADA IMPOSSIBILITANDO A PASSAGEM DOS PEDESTRES. AQUI NO BAIRRO DE FATIMA NA RUA SATURNINO JOSE SOARES PRÓXIMO A PADARIA PAULISTA TEM DOIS BARES QUE NÃO RESPEITAM OS PEDESTRES .ALÉM DE OCUPAR TODA A CALCADA COM MESAS E CADEIRAS AINDA PÕEM NO MEIO DA RUA. E O TAL DO ESPETINHO DO DHOLL E O OUTRO BAR EM FRENTE CHAMADO BOTECOS. VAMOS VER FISCALIZAÇÃO URGENTE. POIS AS PESSOAS FICAM TRANSITANDO NO MEIO DA RUA ENTRE OS CARROS E ONIBOS.

    ResponderExcluir
  14. Tem que coibir o volume extremamente alto dos sons em alguns locais, se querem ouvir suas "músicas", ouçam em som ambiente.

    ResponderExcluir
  15. Que tal começar pelo clube da Usemi para dar exemplo?😘

    ResponderExcluir
  16. Essa porcaria funciona nada, essa semana liguei inúmeras vezes e até hoje espero a chegada deles. Bando de preguiçosos.

    ResponderExcluir
  17. o bairro de Ferradas ganha de todos em matéria de poluição sonora. É uma esculhambação mesmo, aquelas boates frajutas aonde so vai de marginal, drogado e piriguete. relentage dapoha. a droga rola solta.

    ResponderExcluir
  18. ANÔNIMO DAS 13:37, VC ME REPRESENTA.EXATAMENTE ISSO, MUITA FALTA DE RESPEITO E FALTA DE FISCALIZAÇÃO DO PODER PÚBLICO.

    ResponderExcluir
  19. A matéria só esclarece uma parte da história

    ResponderExcluir
  20. Gostaria muito de entender o que se passa na cabeça de uma pessoa que quer ouvir música e coloca a caixa de som apontada pra rua e aumenta o volume. Parece uma necessidade constante de ser visto pelos outros. Se a pessoa vive refém de uma necessidade com essa, ela não passa de uma idiota que quer chamar a atenção o tempo todo. Quando eu quero ouvir música, eu pego meu celular e coloco a droga de um fone de ouvido. Não gosta de fones ? Coloque o som baixo. O Incômodo vem de todos os lados. Dos auto-falantes dos celulares nos ônibus, das casas dos vizinhos, do som do carro, das igrejas, dos bares e das descargas das motos. Quer ter um bar?? Alugue um espaço que comporte seus clientes NO INTERIOR do bar, não na calçada. Hoje em dia em Itabuna, os bares funcionam na calçada, onde são montados os palcos pra apresentações, e até o churrasco. É só andar pela kenedy, rua do paty e por ai vai. A falta de Educação está impregnada na cidade que precisa urgentemente de ORDEM e RESPEITO !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Falou tudo. Quando o país não tem educação e não pune esse tipo d gente , o resultado é esse. Esses mal educados estão no país todo, corja d gent q n se toca q incomoda os outros, falta de respeito.

      Excluir
  21. Coronel Santana tem que colocar a setram pra trabalhar eles ficam desfilando com os guarda querendo da uma de policia ,os carros no centro da cidade estão estacionando em cima do passeio , poderia voltar as blitz de carro e moto voce ia se assustar com tanto carro Poquemon .

    ResponderExcluir
  22. A kenedy ta uma paz graças a Deus

    ResponderExcluir
  23. Aqui no vila Anália tem um rapaz com uma moto fazendo uma propaganda de um evento de uma igreja que chega a doer o ouvido. Sei que ele tem que ganhar o ganha pão dele mais não com esse som estridente.

    ResponderExcluir
  24. TAMBÉM VAMOS FISCALIZAR ESSAS DESGRAÇAS DE IGREJAS EVANGÉLICAS QUE FAZ UMA ZUADA INFERNAL ATE PARECE QUE ELES QUEREM QUE I BARULHO VÁ ATE O CÉU ORA DEUS OUVIR A BESTAGEM QUE ELES FALAM SEM FALAR NA BATERIA INFERNAL E A GUITARRA INSUPORTÁVEL. NÃO RESPEITAM OS VIZINHOS NINGUÉM PIDE ASSISTIR UMA TELEVISÃO PORQUE A PUTA DA PASTORA OU O VIADO DO PASTOR GRITAM MAIS QUE PUTA QUANDO ESTA FUDENDO. SE ACHANDO QUE É IGREJA E PODE TUDO. PORRA DE IGREJA. VAI TOMAR NO CU PORRA DE TANTA ZUADA ACHANDO QUE DEUS E SURDO. ENTÃO VAMOS ATUAR NESSAS NERDAS DE IGREJAS E KEVAR O SOM PRESO TAMBÉM.

    ResponderExcluir
  25. Tem que coibir. Tem que acabar com a bagunça, ...!!!

    ResponderExcluir
  26. Na praça do Pontalzinho, o Bar do BIGODE, esse corno apareceu nessa praça recrutando os sócios com música ruim e bem alto durante as madrugadas, não sei como é permitido tanta desordem no centro da cidade! Aqui ninguém dorme !!!!!

    ResponderExcluir
  27. PRAÇA DO PONTALZINHO, BAR DO BIGODE, NINGUÉM AGUENTA MAIS !!!!!!!!!

    ResponderExcluir