segunda-feira, 15 de abril de 2019

Papa Francisco pede que estudantes deixem vício do celular

Em discurso direcionado a estudantes do instituto público Ennio Quirino Visconti, escola secundária clássica de Roma, o papa Francisco pediu ontem (13), no Vaticano, que se eles se "libertem da dependência" do telefone celular, que considerou "como uma droga."

"Libertai-vos da dependência do celular! Por favor!", enfatizou. O pontífice disse que os aparelhos" são um grande progresso de grande ajuda, e é preciso usá-los, mas quem se transforma em escravo do telefone perde a sua liberdade". Para Francisco, o uso contínuo pode "reduzir a comunicação a simples contatos".

"A vida é comunicar e não somente simples contatos", acescentou, pedindo ainda aos estudantes que lutem contra o assédio escolar.

5 comentários:

  1. Poderia se preocupar com os padres pedófilos ,que não são punidos,apenas mudam de paróquia.

    ResponderExcluir
  2. rsrsrsrs verdade, um monte de PADRE viado e PEDOFILO e ele preocupado com celular

    ResponderExcluir
  3. um monte de PADRE viado e PEDOFILO e ele preocupado com celular

    ResponderExcluir
  4. Este papa fala muita besteira, ele poderia pensar mais no que falar. Bem que poderia começar punindo os padrecos e bispos que usam a batina para esconder os crimes de pedofilia.

    ResponderExcluir