sábado, 11 de janeiro de 2020

Crianças prestam queixa em delegacia contra vizinha por confiscar bola de futebol

Crianças com idades entre sete e nove anos foram parar na delegacia da cidade de Presidente Dutra, que fica a 350 km de São Luís, capital do Maranhão. Segundo o R7, o motivo teria sido um atrito entre as crianças e uma mulher que confiscou a bola do grupo de cinco garotos, porque eles teriam acertado a bola na porta de sua casa.

Ainda conforme a publicação, os meninos decidiram ir à delegacia para resolver o “problema”, explicou o delegado de polícia da região, Cesar Ferro, que, na oportunidade, presenteou as crianças com uma bola nova, já que eles teriam dito que o brinquedo antigo estava ‘’velho e murcho”.

Na ocasião, o policial também entregou um aviso: “advertimos para que eles tivessem cuidado, para que a bola não acertasse a porta de alguém”. Além disso, a vizinha também foi alertada pelos policiais para que não confiscasse a bola novamente, informou o R7.

23 comentários:

  1. Felizes essas crianças q tem interesse para brincar de bola, no mundo pervertido.

    ResponderExcluir
  2. Valeu Delega😂😆😆😆

    ResponderExcluir
  3. Gostei, lindo! Lutando meus seus direitos kkk

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Dr Delegado rsrsr!

    ResponderExcluir
  5. Notícia legal, mais também tem crianças que perturba demais na porta dos outros, brincando gritando joga bola nas portas nas grades , fica numa grande algazarra , é bem desagradável , as crianças tem o direito de brincar mais os pais deveriam pelo menos falar pra maneirar pq é difícil, e o incrível é que uns não brincam na porta das suas casas e vai brincar na porta dos vizinhos ,acho q nem a família atura , e bota pra brincar afastado, diversão sim mais tudo com limites , seus direitos terminam onde começam os meus!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando tu era criança não bagunçava? Então era ou é doente, a criança que não é criança é doente as redes sociais deixa a criança deprimida.Eu baguncei muito e hoje deixei meus filhos e hoje curto os netos, ainda participo kkk

      Excluir
    2. Então pega umas dez crianças e coloca na sua porta pra ficar horas e horas gritando no seu ouvido batendo bola nas suas janelas portas e até quebrando destruindo coisas suas e lhe dando prejuízo , sendo q nem filhos seus são , eu brinquei e muito quando criança mais meus pais sempre me repreenderam em situações que tava incomodando os outros, até pq numa casa as vezes tem pessoas até doente q precisam de paz , pra descansar , vc tá falando isso pq certamente deve ser dessas mães e avós que permitem q os filhos façam o q querem mesmo q seja desrespeitando os outros!!

      Excluir
  6. Parabéns Delegado por da essa aula tão lindo aos PM abusadores da farda com um simples dialogo resolveu o problema e a infância e o baba na rua ocorre porque muitos deles não pode ficar distantes dos olhos dos pais todos que teve essa oportunidade sabe que era feliz e não sabia hoje a criança estão adoecendo mais e vaia afetar dor de coluna, visão e mais doenças ela não tem mais infância resumiu toda brincadeira em um CELULAR.

    ResponderExcluir
  7. Essas porra fica brincando de bola na rua ,lugar de brincar de bola é no campo, as pragas das mães não educa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estas pessoas que estão elogiando o delegado e porque são pessoas que gostam de malandragem não é correto colocar seus filhos na rua pra jogar bola primeiro que lugar de bola é no campo e segundo ninguém é obrigado particular de bagunça

      Excluir
    2. Idiota antes as crianças com uma bola na sua porta ou um grupo de bandido dando tiro na sua cara imbecil

      Excluir
  8. O cara da um murro sacudido para manter sua família e seu lar é para descansar, uns fi de corno com mãe na zona se acha no direito de bagunçar em sua porta e ter que aceitar essa bagunça, ai o cara de sangue quente pega a bola e corta isso para não fazer uma besteira nos endemoniado, ainda tem quem defenda.

    ResponderExcluir
  9. Pai e mãe que se tem respeito e caráter, jamais vai permitir que seus filhos venha incomodar alguém.

    ResponderExcluir
  10. Eu cortava e mandava esse delegado dar o jeito, pois na minha casa quem manda sou eu e não delegado algum.

    ResponderExcluir
  11. Parabéns Delegado criança feliz e tudo👐👏👏👏falta lugar quadra de esporte pra essas crianças,falta governo pra investir nesses crianças ❤

    ResponderExcluir
  12. Gente que absurdo, essas crianças só querem brincar, já vi crianças nesta faixa etária traficar, matar, dentre outras arbitrariedade, a parede da minha 🏠 já descascou, já fiz reforma na porta que serve de trave, e a vida continua, que vizinha ruim, em vez de procurar um grupo de "idosa" e ir rezar e agradecer por ter crianças felizes de boa índole. Parabéns Delegado.
    Logo logo essas crianças serão doutores assim como os da minha rua que ainda soltavam bomba no peitoril da minha janela, é só ter paciência eles cressem, logo vem outra geração 😂😂😂!

    ResponderExcluir
  13. Parabéns ao delegado por ter essa iniciativa, mostrando as crianças que todos nós temos direitos e deveres na sociedade.As crianças já têm a consciência que o certo é procurar a polícia pra ter seus direitos e não muitas vezes chingar, bater e desrespeitar o seu próximo. Adultos aprendam com as crianças.

    ResponderExcluir
  14. Minha infância foi Boa demais eu e mais primos fazia isso direto as vizinhas pirava kkkkkkk mas eh normal acho que se eles nn retasse nn seria bom kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  15. ESSES BESTALHADOS QUEM DEFENDE ISSO, FAZ UM CAMPINHO EM SUAS PORTAS, PRA VER O QUE É INCOMODO,
    BOLAS BATENDO EM SUAS PORTAS ,
    OU ENTRANDO E QUEBRANDO ALGUMA COSA DENTRO DE CASA ,
    LUGAR DE BOLA É EM CAMPO,PIMENTA NO DOS OUTROS É REFRESCO,
    DELEGADO IRRESPONSAVEL.

    ResponderExcluir
  16. realmente é incômodo a gritaria e os sapecas brincando o dia inteiro, más, são nossas crianças, e o que o delegado fez é digno de aplausos, presentiando com uma bola nova foi simplesmente maravilhoso! parabéns ao delegado pela atitude, e quanto a vizinha também tem seus direitos, más são crianças, e como tal tem que brincar. parabéns para polícia pela atitude!

    ResponderExcluir