segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Três suspeitos de roubar mais de 300 celulares morrem em confronto com policiais em Barreiras

Três homens suspeitos de roubarem 308 celulares em um loja de eletrodomésticos morreram durante um confronto com policiais militares, na tarde deste domingo (12), na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia. Conforme o delegado Rivaldo Luz, coordenador de polícia da região, policiais da Cipe Cerrado e da 85ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Luís Eduardo Magalhães) foram acionados após a denúncia de que três suspeitos de roubarem uma loja da região no sábado (11) estavam escondidos em uma pousada no bairro Florais Léa.

Segundo informações do coordenador, ao chegar no local, houve uma troca de tiros e os suspeitos foram atingidos. Os homens, que não tiveram a identidade revelada, foram socorridos e levados para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município, mas não resistiram aos ferimentos. Com os suspeitos, de acordo com Rivaldo Luz, além dos celulares, foram apreendidos três revolveres, munições, um alicate, uma chave de fenda, um carro e um aparelho de som.

O coordenador informou que os suspeitos eram investigados por roubo. O corpo deles foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Barreiras.

3 comentários:

  1. Perfeito! Para que perder tempo com inquérito, audiência de custódia e liberação de criminosos. Poupa-se tempo e dinheiro. Claro, os petralhas odeiam a polícia por matar bandidos, como disse Lulaladrão: inocentes jovens ladrões de celulares sendo mortos por policiais. O mais estranho é que Lulaladrão e seus Petralhas jamais defendem os cidadãos honestos e trabalhadores. Afinal, o PT é um partido político ou uma ORCRIM?

    ResponderExcluir
  2. Engraçado em odo lugar a polícia faz um excelente trabalho menos em Itabuna pq?

    ResponderExcluir
  3. se nao divulgaram o nome é pq tinha policia no meio
    so tem bandido na policia
    assim como na politica
    onde tem poder, tem mais bandido que gente honesta

    ResponderExcluir