sexta-feira, 13 de março de 2020

Sargento e soldado são presos suspeitos de extorsões, sequestros e assassinatos em Salvador

Um sargento do Exército Brasileiro e um soldado da Polícia Militar foram presos em Salvador, na quinta-feira (12), suspeitos de envolvimento em extorsões, sequestros e assassinatos. A informação é da Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA). A prisão ocorreu nos bairros da Liberdade e Vila Canária durante uma operação conjunta do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco) e da Corregedoria da PM.

Segundo a SSP-BA, a dupla tem envolvimento em três casos de extorsões, mediante sequestros e dois assassinatos. Apesar disso, a SSP não detalhou o local e quando os crimes ocorreram. Uma mulher que foi achada com os homens, e apontada pela polícia como integrante do esquema, também foi presa. Os três foram levados para a delegacia. Ainda de acordo com a polícia, três pistolas, carregadores e munições foram apreendidos com o trio.

4 comentários:

  1. Ser bandido é ser desumano, e inaceitável,mas ser policial bandido e pior e mais baixa classe da natureza.
    Deveria ser decapitado em praça pública.
    Bolsonaro veio pra isso.

    Bora pegar esses bandidos meu presidente.
    Esses policiais são vinculados ao pt

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo que acontece e o pt e sai daí seu cego que não enxergar a realidade me diga uma coisa um pessoa que defende miliciano e o que me responda Bolsonaro que é presidente do Brasil e tudo que acontece no Brasil e culpa do pt kk

      Excluir
  2. O coronel Ibis do Rio de Janeiro mais sujo que pau de galinheiro o governo não investiga

    ResponderExcluir
  3. Rapaz se for acabar com os policiais bandidos desse país,n não sobra quase ninguém.

    ResponderExcluir