sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Três jovens são presas suspeitas de tentar 'comprar' comprovante de vacinação no oeste da BA

 Três mulheres são presas após tentarem 'comprar' cartão de vacinação — Foto: Blog do Braga

Três jovens foram presas nesta sexta-feira (19), na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, suspeitas de subornar uma técnica de enfermagem para conseguir comprovantes de vacinação contra Covid-19.

De acordo com o delegado Leonardo Mendes, as jovens pagariam R$ 1 mil em dinheiro para que a técnica comprovasse a imunização de ambas com duas doses através de um cartão de vacina preenchido. No entanto, esse valor seria uma entrada para o valor total, que seria de R$ 10 mil pagos em duas parcelas. De acordo com o policial, as jovens não queriam se vacinar.

Segundo as investigações, as mulheres entraram em contato com a profissional de saúde, que combinou de fazer o serviço. Antes de acertar com a técnica, o trio teria entrado em contato com outras profissionais de saúde. Após receber o contato das jovens, a técnica de enfermagem entrou em contato com as forças policiais da cidade.

Quando as jovens chegaram ao local combinado, no ponto de vacinação no Bairro Santa Cruz, elas foram presas em flagrante por agentes da Guarda Municipal. De acordo com o delegado, as três mulheres vão responder por corrupção ativa.

No momento da prisão, as mulheres tinham o valor combinado com a profissional de saúde em espécie dentro do carro.

Ainda segundo o delegado, as informações iniciais indicam que as jovens usariam o 'passaporte' da vacina falso para ter acesso a um show que aconteceria neste final de semana na cidade.

No entanto, também de acordo com o delegado, informalmente, duas das jovens teriam afirmado que o interesse na comprovação da vacinação seria por conta de uma viagem para o exterior, enquanto uma terceira teria dito ser portadora de uma doença que a impediria de se vacinar. A polícia não divulgou a identidade das suspeitas.

Advogados alegam flagrante forjado

Ainda segundo o delegado, os advogados das mulheres acompanham o caso. O delegado informou ao g1 que a defesa aponta que o flagrante teria sido forjado. No entanto, elas seguirão presas, ao menos, até este sábado, quando serão interrogadas pelo delegado.

Na noite desta sexta-feira, os agentes de segurança responsáveis pela prisão vão prestar depoimento. Em seguida, a técnica de enfermagem também irá depor. As jovens só serão ouvidas na manhã de sábado (20). //G1

14 comentários:

  1. Deixa elas sem se vacinar, eu tbm n queria tomar essa porcaria não, infelizmente somos obrigados, aí fica uma galera aí manipulada achando que o governo quer seu bem.... Quer porra nenhuma, as jovens tão é certa, ngm é obrigado a tomar essa merda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não toma carai !

      Excluir
    2. TOMA NAO
      NAO TOME
      VACINA É COISA DE COMUNISTA
      NAO TOME VACINA, AGLOMERE BASTANTE
      O VÍRUS É BOBAGEM
      LEVE ELE PRA SUA CASA
      PRA SUA FAMÍLIA

      Excluir
    3. Bozo disse que é pra vocês comerem merda. Foi Sara winter que mandou o recado. Come merda e fica curado da covid.

      Excluir
  2. Cuidado! FILHO DE MUTUNS TA SOLTO.

    ResponderExcluir
  3. Nada, filho de MUTUNS, tá mamando igual uma bezerra no cío na prefeitura de Eunápolis.

    ResponderExcluir
  4. Se as senhoritas forem amigas da realeza bolsonarista, quem pagará será a plebe,
    com o auxílio dos agentes de segurança.
    No mínimo perderá o seu emprego, basta olhar o que vêm acontecendo com agentes Federais que se metem a fazer o que a lei lhes garante fazer.

    ResponderExcluir
  5. quando pensa que já viu de tudo...

    ResponderExcluir
  6. É cada coisa que nós estamos vendo nos dias de hoje viu, povo tá tudo enlouquecendo, tudo isso por acreditar em pessoas sem noção,deus é mais.

    ResponderExcluir
  7. Eu também não quero tomar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bozo disse que é pra comer merda. Melhor que vacina.

      Excluir
  8. essa agente de saude é melhor mudar de cidade pois a galera do oeste não perdoa crocodilagem

    ResponderExcluir
  9. Kkkkkk. Meninas bossonaristas cristã de família tradicional, só que não. Tudo bandida igual Bozo.

    ResponderExcluir